A justiça chegou a Roberto Jefferson, afirma secretário Campos Machado

PTB Notícias 18/05/2015, 16:59


O presidente do PTB de São Paulo e secretário-geral do partido, deputado estadual Campos Machado, comentou a decisão do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), de autorizar o ex-deputado e presidente de honra do PTB, Roberto Jefferson, a cumprir o restante da pena em regime aberto.

Roberto Jefferson deixou no sábado (16/5/2015) a Casa do Albergado Francisco Spargoli Rocha, em Niterói (RJ).

O líder trabalhista saiu da unidade prisional acompanhado dos advogados, da companheira Ana Lúcia Novaes e da filha Cristiane Brasil, presidente nacional do PTB e deputada pelo Rio de Janeiro.

Para Campos, a decisão repara uma injustiça cometida a Jefferson.

“Estou convencido que esta decisão, que antecede seu casamento (29/5), reacende as esperanças para Roberto Jefferson”, afirma o secretário-geral.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações do PTB-SPFoto: J.

R Neto/Divulgação