A pedido de Rony Alves, prefeito de Londrina (PR) participa de reunião

PTB Notícias 28/03/2013, 7:13


O prefeito de Londrina (PR), Alexandre Kireeff, participou na quarta-feira (27/3/2013) de uma reunião com os vereadores no plenário do Legislativo, para tratar do Plano Diretor Participativo da cidade.

O encontro foi um pedido do presidente da Câmara Municipal, Rony Alves (PTB), e contou com a participação do presidente do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina (IPPUL), Robinson Borba, da diretora de Planejamento do IPPUL, Ignes Dequech Alvares, e do presidente da Companhia de Habitação de Londrina (Cohab), José Roberto Hoffmann.

De acordo com Rony Alves, a intenção não foi discutir o Plano no momento, mas sim apresentá-lo de forma completa aos novos membros do Legislativo.

“Como tivemos uma grande renovação na bancada, é necessário antes de qualquer votação ou discussão mais aprofundada, que atualizemos os vereadores em relação à atual situação do Plano.

Inclusive, para prestar informações técnicas, estão aqui representantes do IPPUL e da Cohab.

” Alves lembrou que todos os prazos estão sendo respeitados.

“Nós nos preocupamos em fazer essa reunião já, pois estamos dentro dos prazos estipulados.

Esse panorama do Plano Diretor era necessário e não atrasará os trabalhos.

Hoje a visita e explicação técnica são exclusivamente para que possamos entender a fundo o Plano Diretor.

” O prefeito Alexandre Kireeff enalteceu a iniciativa da Câmara.

“Essa reunião é um momento muito importante.

No início do mandato elegemos o Plano Diretor como prioridade, tanto da Prefeitura quanto da Câmara.

Estabelecemos um cronograma que está sendo cumprido.

O Plano irá garantir solidez e dar consistência ao desenvolvimento da cidade.

É fundamental debatê-lo e entendê-lo.

” Kireeff ainda lembrou a importância que o Plano Diretor tem para a cidade.

“Estamos estabelecendo um documento que irá dar uma cara ao desenvolvimento de Londrina.

Resgatamos os documentos das Conferências e agora, junto com a Câmara, com a participação em audiências da população, iremos fazer as correções, as adequações e trazer de fato o desenvolvimento à cidade.

Vamos entregar esse documento tão importante para Londrina, com ações e planejamento de curto, médio e longo prazo e que esperamos que atenda as expectativa da população.

Trabalhamos de forma democrática, o que com certeza garantirá voz a todos.

Redigiremos o documento com a maior rapidez, mas também com responsabilidade e cautela.

” * Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal Bonde