Adilson Amadeu quer informações da reinauguração da Feira da Madrugada

PTB Notícias 12/08/2013, 16:27


A Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara Municipal de São Paulo aprovou na quarta-feira (7/8/2013) um requerimento para que o Executivo encaminhe ao colegiado informações a respeito da reforma que está sendo realizada no Pátio do Pari, local onde acontece a Feira da Madrugada, região central da capital paulista.

O requerimento foi apresentado pelo vereador Adilson Amadeu (PTB), que foi presidente de uma subcomissão instalada em 2011 na Câmara Municipal para averiguar possíveis irregularidades no local.

“Quero saber como está sendo feito o cadastramento dos comerciantes que trabalharão no local, os valores gastos para a reforma, a empresa que ficará responsável pela manutenção do espaço, o motivo de não terem feito dutos de gás para lanchonetes e restaurantes.

Informações importantes para sabermos como será essa reinauguração”, explicou.

InfraestruturaA Feira da Madrugada está fechada há três meses e a abertura está prevista para o dia 8 de setembro.

No entanto, Amadeu acha que isso não será possível.

“Acredito que não vai ser reinaugurada na data prevista pelo o que tenho visto das obras.

Além disso, foram feitos reparos pequenos perto do que seria necessário”, avaliou.

Amadeu ainda afirmou que o Poder Público deveria olhar com mais atenção para o espaço.

“A Feira da Madrugada é um polo turístico e atrai cerca de 30 mil pessoas diariamente.

Por isso, precisa ter uma infraestrutura adequada como, por exemplo, rota de fuga em caso de incêndios.

Precisamos mostrar que a cidade está preparada para receber os turistas, ainda mais que temos uma Copa do Mundo no próximo ano”, acrescentou.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Câmara Municipal de São PauloFoto: Luiz França/CMSP