Adilson Espindula quer assistentes sociais em escolas do Espírito Santo

Agência Trabalhista de Notícias 25/11/2019, 10:48


Imagem Crédito: Lissa de Paula/Ales

O deputado Adilson Espindula (PTB) apresentou projeto de lei que prevê a presença de assistentes sociais nas escolas da rede estadual do Espírito Santo. A proposta determina que a assistência seja prestada, durante o período escolar, nas unidades de ensino e por profissionais devidamente habilitados.

O objetivo é que o atendimento proporcione melhoria da qualidade do processo de ensino e aprendizagem, promoção da participação da comunidade escolar na mediação das relações sociais e institucionais, além do monitoramento do acesso e permanência dos alunos em situações de discriminação, preconceitos e violência na escola, bem como de suas interações na família e na comunidade.

“A contribuição desses profissionais não se restringirá a situações traumáticas e emocionais pregressas do educando, mas se voltará também ao trabalho de questões diretamente afetas ao processo de aprendizagem e de convívio escolar e familiar”, justificou o parlamentar.

Para que a norma seja colocada em prática sem a geração de despesas para o governo, Espíndula propõe o remanejamento de profissionais que já integram os quadros da administração pública estadual.

Com informações da Assembleia Legislativa do Espírito Santo