Alex Canziani aprova mudanças relacionadas ao ensino a distância

Agência Trabalhista de Notícias - 13/07/2017, 11:20

Crédito: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Imagem

O deputado Alex Canziani (PTB-PR) aprovou as mudanças divulgadas pelo Ministério da Educação (MEC) relacionadas ao ensino a distância. O anúncio feito no final de maio garante a implantação das mudanças progressivamente. Segundo o parlamentar, esta modalidade é ofertada em todo o mundo e também no Brasil facilita o acesso das pessoas ao ensino superior.

“Um professor de altíssimo nível pode dar aula não apenas para 35, 40 alunos, 50 no máximo, ele pode dar aula para milhares de estudantes espalhados pelo Brasil inteiro”, ressaltou.

As mudanças feitas pelo MEC tornam mais flexíveis as regras para a criação de um curso de ensino a distância. Na nova regra, instituições podem oferecer exclusivamente ensino a distância, sem a parte presencial. Ainda segundo as novas regras, quanto melhor a pontuação da instituição em avaliação feita pelo MEC, mais polos de ensino a distância podem ser criados pela instituição.

“Isso faz com que tenhamos a meritocracia, ou seja, quem faz a educação com excelência pode abrir mais polos, pode ofertar mais educação a distância para o Brasil, e eu acredito que isso seja uma alternativa muito importante para democratizar cada vez mais o ensino no nosso país”, defendeu o deputado.

As mudanças nas regras do ensino a distância foram feitas com o objetivo de ampliar a oferta de ensino superior no país para atingir a Meta 12 do Plano Nacional de Educação (PNE), que exige elevar a taxa bruta de matrícula na educação superior para 50% e a taxa líquida em 33% da população de 18 e 24 anos.

Com informações da assessoria da Liderança do PTB na Câmara dos Deputados