Amazonino destaca a importância do SIG Manaus: “É um novo momento”

PTB Notícias 6/06/2011, 9:48


O Sistema de Informação Geográfica de Manaus, o SIG/Manaus, com informações detalhadas da cidade, é uma ferramenta que para o Estado, para os empresários, para a elaboração de estudos de viabilidade de empreendimentos, estudos de demanda e principalmente para o planejamento da cidade pela Prefeitura Municipal de Manaus.

Esta é a avaliação do prefeito Amazonino Mendes (PTB-AM) ao destacar a importância do sistema de informações da área urbana da cidade apresentados ontem pela Secretaria Municipal de Finanças, Semef.

“É um novo momento”, afirmou o prefeito.

O SIG/Manaus é o resultado de uma levantamento aerofotogramétrico e geoprocessamento dos 430 km² da área urbana de Manaus iniciado há dois anos.

Nele, há várias informações, como número de edificações na cidade, área ocupada, informações sobre a existência de equipamentos públicos, como escolas e unidades de saúde, vias de tráfego, uma espécie de raio-x da cidade.

Com as informações a Prefeitura pode planejar suas ações como construções de escolas, postos médicos, atualização do cadastro imobiliário com o tamanho real dos prédios comerciais e residenciais e obras de urbanização de bairros e comunidade.

Pelo sistema, a Prefeitura e a população em geral tem ideia exata da cidade como por exemplo, na área da Educação.

Pelo SIGManaus é possível o administrador público municipal saber que a maioria das escolas públicas municipais está localizada nas áreas centro sul, centro-oeste da cidade e em número mais esparsos nas zonas Norte e Leste, áreas onde a cidade se expandiu nos últimos 20 anos.

Um exemplo da expansão e defasagem do cadastro imobiliário da cidade de Manaus pode ser constatado no levantamento preliminar.

Os bairros Jorge Teixeira e Cidade de Deus que no último cadastro realizado em 2000 possuíam 3.

261 imóveis (residenciais e comerciais), pelo SIGManaus hoje possuem 20.

132 imóveis, ou seja, 16.

511 imóveis não haviam sido cadastrados nos últimos 11 anos, apontando um crescimento de 456,0%.

A segunda maior área de imóveis novos cadastrados é o Parque Tarumã.

Dos 2.

892 imóveis registrados na Prefeitura em 2000, outros 8.

506 foram detectados pelo sistema, acusando um aumento de 294,1% no número de imóveis.

InformaçõesSegundo o prefeito Amazonino Mendes, a importância do SIGManaus reside no fato de o sistema fornecer informações para a elaboração do Plano Diretor da cidade.

“Como fazer um plano diretor se não temos informações precisas e necessárias?” indagou o prefeito, depois de afirmar que “as administrações anteriores não dispunham de meios para planejar, a partir de um banco de dados e geográficos para subsidiar as ações.

“A partir deste momento com a elaboração de um Plano Diretor correto, será mais fácil administrar.

Poderemos distribuir melhor os serviços e a mobilidade urbana.

Manaus deixa de ser uma cidade clandestina em que as coisas acontecem por gravidade” sinalou.

O prefeito observou que o SIGManaus não foi concebido apenas para cobrar impostos municipais.

Ele afirmou que a atualização do cadastro imobiliário é apenas um dos aspectos do sistema de informações.

Segundo o prefeito ele irá dotar a Prefeitura de mecanismos para a o poder público exercer a justiça fiscal e social.

As pessoas irão receber seus carnês com a fotografia de sua residência e dos imóveis vizinhos impressos com todas as informações, como metro quadrado construído.

“Se encontrasse na Prefeitura esse tipo de informação, a vida seria bem melhor”, afirmou o prefeito ao falar dos seus dois outros mandatos na Prefeitura Municipal de Manaus em 1984 e em 1993.

Agência Trabalhista de Notícias (PB), com informações da Prefeitura de Manaus