Amazonino reúne representantes de comunidades da Zona Rural de Manaus

PTB Notícias 13/04/2010, 19:28


O prefeito de Manaus, o petebista Amazonino Mendes, recebeu segunda-feira (12/4), em seu gabinete, 40 representantes de 21 comunidades da zona rural do município de Manaus.

Na ocasião o prefeito solicitou uma avaliação técnica para identificar todas as necessidades das comunidades, na área de Educação, Saúde e Infraestrutura.

Durante a reunião, os líderes tiveram a oportunidade de apresentar relatório contendo demandas de suas localidades ao prefeito.

Dentre as necessidades destacaram-se a construção de poços artesianos, luz elétrica, reforma e construção de escolas, postos de saúde e barcos para remoção de pacientes.

O prefeito convidou para participar da reunião, o gerente-executivo do Programa Luz para Todos, Radir Oliveira, os secretários de Saúde, Francisco Deodato, e de Infraestrutura, Américo Gorayeb, além da subsecretária de Educação, Viviane Matos.

Segundo Amazonino, a Zona Rural estava esquecida, por isso é preciso resolver os problemas das comunidades.

“Vou me esforçar para resolver os problemas que a Zona Rural tanto vem sofrendo.

O meu papel é diminuir esse sofrimento”, disse o prefeito.

O prefeito disse ainda que esse estudo irá gerar um plano de ação para a Zona Rural.

“Colocaremos nossas secretarias de Educação, Saúde e Infraestrutura agindo em conjunto”, destacou.

O secretário de Saúde Francisco Deodato, garantiu às lideranças presentes, que cada comunidade terá seu próprio agente de saúde e que, se preciso, a prefeitura ajudará a formar essa pessoa.

“É mais fácil formar um agente da comunidade, do que levar um de Manaus para a zona rural”, avalizou Deodato.

Francisca Cavalcante, representante da comunidade do Livramento, localizada no Rio Negro, disse estar muito satisfeita, pois após muitos anos de luta por melhorias na comunidade, essa foi a primeira vez que um prefeito recebeu líderes das comunidades rurais.

“Isso mostra o interesse do prefeito em ajudar a resolver nossos problemas” disse Francisca.

fonte: site da Prefeitura de Manaus (AM)