Anápolis (GO): Jean pede agilidade da CMTT nas intervenções de trânsito

PTB Notícias 5/11/2014, 8:21


Em discurso na Câmara Municipal de Anápolis (GO), na terça-feira (4/11/2014), o vereador Jean Carlos (PTB) pediu mais agilidade da Companhia Municipal de Trânsito e Transporte (CMTT) nas intervenções solicitadas pela população por meio da Câmara.

“Há boa vontade, mas demora excessiva”, reconheceu Jean Carlos.

Ele disse que os vereadores apresentam requerimentos solicitando melhorias no trânsito anapolino, mas que para conseguir algo da CMTT é preciso “esbravejar” na tribuna do Legislativo.

Jean Carlos citou que tinha conseguido a aprovação de um requerimento para análise de um ponto crítico na Avenida Tiradentes, mas que nada foi feito.

“Ontem [3] tivemos mais uma vítima fatal lá.

E a contabilidade está crescendo.

“O vereador descreveu alguns pontos que considera que precisa de melhoria na CMTT: “um só engenheiro de trânsito é pouco”; “temos 40 agentes de trânsito, mas somente seis devem estar nas ruas”; “a CMTT precisa de autonomia financeira e administrativa”.

Jean Carlos citou algumas vias que considera prioritárias intervenções no trânsito: Rua Ipameri, Avenida Tiradentes, Rua Bolívia (“onde um carro capotou”) e Avenida Pedro Ludovico Teixeira.

Para o vereador, o prefeito precisa agir para dar condições à CMTT.

Uma das ações defendidas pelo vereador na tribuna é a realização de concurso público para amenizar o déficit no quadro de servidores da CMTT.

Além disso, Jean pediu mais ações voltadas para a educação no trânsito.

“Quero saber quanto se arrecadou em multas e quanto foi revertido para a educação no trânsito, já que há uma previsão na lei, acho que de 5% do valor das infrações”, explicou Jean Carlos.

Ele classificou ainda a semana de conscientização no trânsito de “apagada”.

Para Jean Carlos, a população pede para os vereadores que intercedam para que haja melhorias no trânsito.

“Ando muito e não vejo melhora, por isso acredito que a CMTT precise ter autonomia administrativa e financeira.

” Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da Câmara Municipal de Anápolis Foto: Divulgação/Assessoria