Aprovado projeto de Pier que concede homenagem ao ex-jogador Alex

PTB Notícias 14/04/2015, 16:29


A Câmara Municipal de Curitiba (PR) aprovou em segunda votação unânime, na sessão de segunda-feira (13/4/2015), a concessão do título de vulto emérito de Curitiba ao ex-jogador de futebol Alexsandro de Souza, o Alex.

Instituída em 1963, a honraria é entregue a pessoas nascidas na cidade que tenham contribuído para seu crescimento e desenvolvimento.

O projeto de lei foi proposto pelo vereador Pier Petruzziello (PTB).

O trabalhista justificou que o ex-atleta foi um embaixador honorário de Curitiba nos locais em que jogou, inclusive na Turquia, onde é ídolo.

“Ele teve uma carreira brilhante e histórica.

Passou por clubes de grande expressão e divulgou nossa cidade.

Turcos têm feito turismo aqui”, disse Petruzziello.

“O Alex nunca escondeu sua raiz.

Sempre carregou o nome de nossa cidade, na qual começou a carreira esportiva e a encerrou [no Coritiba, em dezembro de 2014]”, completou.

Alex jogou nas categorias de base do Coritiba, equipe na qual se profissionalizou, em 1995, e permaneceu até 1997.

Passou pelo Palmeiras, Flamengo e Cruzeiro e, em 2004, transferiu-se para o Fenerbahçe, da Turquia.

“No dia 15 de setembro de 2012, foi inaugurada uma estátua em homenagem ao camisa 10 em frente ao estádio da equipe turca, com o tamanho real do jogador.

Ela levou dois anos para ser concluída”, relatou Petruzziello.

Ele retornou ao Brasil cerca de um mês depois da homenagem, com festa da torcida coxa-branca.

“É um cidadão que tem o gene de Curitiba, a cidade é quase um imã para ele”, disse o vereador Paulo Salamuni (PV).

Felipe Braga Côrtes (PSDB) destacou a empatia dos torcedores turcos por Alex e a importância do esporte como “fator de divulgação”.

Já para Chico do Uberaba (PMN), o vulto emérito demonstrou “lealdade” à capital paranaense e à torcida do Coritiba ao disputar sua última partida.

“Alex é um bom exemplo ao esporte.

Os locutores, quando ele estava com a bola, tinham prazer em saudar o ‘curitibano Alex'”, defendeu Valdemir Soares (PRB).

“Meu coração bate mais forte pelo Atlético, mas nunca deixei de admirar o jogador Alex.

Ele foi injustiçado na seleção brasileira”, completou Colpani (PSB).

Ídolo atleticano, Paulo Rink (PPS) defendeu a homenagem: “É uma pessoa do esporte, do bem, referendado como um dos maiores ídolos do futebol turco”.

Os vereadores Jorge Bernardi (PDT), Pedro Paulo (PT), Tito Zeglin (PDT) e Professor Galdino (PSDB) também declararam apoio à entrega do título de vulto emérito ao Alex.

O texto seguirá à sanção do prefeito Gustavo Fruet (PDT).

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Câmara Municipal de CuritibaFoto: José Lazaro Junior/CMC