Arlen Santiago faz críticas à gestão do PT em Minas Gerais e no país

PTB Notícias 12/06/2015, 16:37


Em pronunciamento na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, na quarta-feira (10/6/2015), o deputado Arlen Santiago (PTB) afirmou estar insatisfeito com as ações dos governos estadual e federal.

Segundo o parlamentar, a União não tem repassado recursos para Minas, prejudicando o desenvolvimento de projetos relacionados à segurança pública e à mobilidade urbana, por exemplo.

“Existe um grande descaso com as obras do metrô e do anel rodoviário em Belo Horizonte”, exemplificou.

Sobre a saúde pública, Arlen Santiago cobrou que o governador Fernando Pimentel (PT) envie à Assembleia projeto contemplando a recomposição salarial dos funcionários da Fundação Hospitalar de Minas Gerais (Fhemig) e do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais (Ipsemg).

O deputado ainda criticou o plano de concessões anunciado pela presidente Dilma Rousseff (PT), destacando o elevado valor da dívida pública nacional.

“A arrecadação estimada com as privatizações é de R$ 200 bilhões.

Ainda assim, não há destinação de verbas para Minas”, disse.

Em aparte, os deputados João Vítor Xavier (PSDB) e Gustavo Valadares (PSDB) apoiaram o pronunciamento de Arlen Santiago.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Assembleia Legislativa de Minas GeraisFoto: Clarissa Barçante/ALMG