Armando Monteiro critica propostas simplificadoras de imposto único

PTB Notícias 17/05/2011, 7:30


Em sessão da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), do Senado Federal, nesta segunda-feira, 16/05, o senador Luiz Henrique (PMDB-SC) disse que o brasileiro não sabe quanto paga de imposto.

Frisou que em cada produto está embutido um imposto e que isso precisa ser mostrado à população.

— O cidadão não sabe que, ao beber um copo de água, está tomando 40% de imposto.

Ao pegar ônibus, 50%.

Ao abastecer seu carro, metade é gasolina, metade é imposto — afirmou o senador, que defende um sistema com natureza progressiva, para que os mais pobres paguem menos.

O Senador Armando Monteiro (PTB-PE) criticou as propostas “ingenuamente simplificadoras de fórmulas exóticas do imposto único”, segundo ele, comuns no início da década de 1990.

— O Brasil precisa construir um sistema que possa convergir para modelos que o mundo de alguma forma consagrou como os mais adequados — afirmou Monteiro.

Agência Trabalhista de Notícias (LL) com informações da Agência Senado