Armando Monteiro critica tentativa de esvaziar projeto da Hemobrás em Pernambuco

Agência Trabalhista de Notícias - 10/10/2017, 8:07

Crédito: Jefferson Rudy/Agência Senado

Imagem

O líder do PTB no Senado Federal, Armando Monteiro (PE), criticou o que considera uma tentativa do Ministério Saúde de esvaziar o projeto da Hemobrás em Pernambuco. O trabalhista cobrou uma posição clara do governo para manter o plano de fabricação do fator VIII pela fábrica estatal de derivados de sangue. Na avaliação dele, a quebra do contrato de transferência de tecnologia e a possibilidade de deslocamento da produção do fator VIII para o Paraná constituirão um “golpe” contra os interesses de Pernambuco.

Armando lembrou os investimentos que já foram feitos na fábrica da Hemobrás, que consolidará o Polo Farmacoquímico na cidade de Goiana. O senador teme a judicialização da questão e a possibilidade de desabastecimento. Argumenta que a decisão mais sensata seria manter o atual contrato de compras do produto, que constitui praticamente a única fonte de receita da Hemobrás.

“O Ministério Público Federal de Pernambuco deve ingressar com uma ação civil pública para impedir que o Ministério da Saúde faça licitação para a compra do fator VIII recombinante, usado por pessoas com hemofilia”, informou.

Com informações da Agência Senado