Armando Monteiro Neto critica projeto que prevê redução da jornada

PTB Notícias 16/01/2009, 17:55


O presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), o deputado federal Armando Monteiro Neto, do PTB de Pernambuco, criticou o projeto que prevê redução na jornada de trabalho para evitar demissões na indústria.

Na avialiãção de Armando Monteiro, “voluntarismo e artificialismo” não evitam o desemprego.

“O que sustenta o emprego é a demanda”, afirma o deputado petebista.

“É preciso equilíbrio para não elevar o custo de contratação de maneira perversa, matando a empresa.

“, diz Armando Monteiro Neto.

Já o líder do PSDB na Câmara, José Aníbal (SP), argumentou que não é razoável elevar o custo de contratação em plena crise.

Ele questiona se redução de jornada significa, necessariamente, aumento do emprego.

fonte: Jornal Valor Econômico