Arnaldo cobra votação do projeto sobre alteração do fator previdenciário

PTB Notícias 5/06/2012, 18:47


O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) cobrou, nesta terça-feira (05/06/2012), a possibilidade de a Câmara rediscutir o projeto sobre a alteração do fator previdenciário.

Segundo o parlamentar, o prejuízo dos trabalhadores “é muito grande”.

De acordo com ele, o valor corresponde a cerca de 40%, depois de 35 anos de trabalho, se for homem, e chega a até 50%, no caso da mulher.

“Precisamos mudar esse maldito fator previdenciário.

O governo admite que o fator é perverso, mas não sinaliza nenhuma mudança.

A urgência já foi aprovada, e queremos votar”, afirmou Faria de Sá.

O deputado disse ainda que a Casa quer votar também o projeto nº 4.

434, de 2008, que trata da recuperação das perdas de aposentados e pensionistas.

O relator é o deputado Marçal Filho (PMDB-MS).

Segundo o petebista, essa proposta recupera o valor das aposentadorias.

“Precisamos resolver essa questão e aguardar também, na votação da LDO, uma emenda que garanta aumento real para os aposentados a partir de 2013”, disse.

Arnaldo Faria de Sá corroborou que a situação do aposentado e do pensionista é “desesperadora”.

Para eles, diz o deputado, a inflação é muito maior por causa do custo dos medicamentos.

“Vamos criar vergonha e votar essas duas matérias”, cobrou o petebista.

Agência Trabalhista de Notícias (FM)Foto: Rodolfo Stuckert/Agência Câmara de Notícias