Arnaldo Faria de Sá critica reajuste para salário de aposentados

PTB Notícias 5/05/2007, 10:33


O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), em discurso no plenário da Câmara, criticou o reajuste diferenciado negativamente para aposentados e pensionistas na medida provisória que trata do salário mínimo, pois foi apresentada emenda que estende o mesmo percentual proposto aos trabalhadores da ativa a aposentados e pensionistas, que não podem ter reajuste de apenas 3,3%.

“Trata-se de verdadeira falta de atenção e de respeito a essas pessoas, que têm o maior custo de vida em razão do alto consumo de medicamentos.

Lutaremos para aprovar a emenda que estende o percentual de 8,57% a aposentados e pensionistas”, afirmou Arnaldo Faria de Sá.

“Devemos cobrar uma atitude desta Casa, porque nós também temos uma parcela de responsabilidade, e não apenas o Executivo, pelo tratamento que se dá a aposentados e pensionistas.

Lembro que aprovamos o Estatuto do Idoso para garantir a eles esses direitos assim estaremos negando-os.

Em São Paulo serão abertas 25 Delegacias do Idoso para prestar atendimento a todos os idosos, que têm, lamentavelmente, reclamado dos maus-tratos que recebem não só da família, mas da sociedade, da comunidade e dos governos de modo geral”, finalizou o deputado petebista.

Agência Trabalhista de Notícias.