Arnon Bezerra participa de audiência sobre serviços de saneamento

Agência Trabalhista de Notícias 26/09/2019, 9:15


Imagem Crédito: Divulgação

Foi realizada no plenário da Câmara Municipal de Juazeiro do Norte (CE), na quarta-feira (25), uma audiência pública para tratar da renovação do contrato de concessão dos serviços de abastecimento d’água e tratamento de esgoto da Cagece no município. A audiência foi solicitada pelos vereadores Tarso Magno e José Barreto e presidida pelo vereador Capitão Vieira.

Na audiência, inicialmente foram apresentados alguns questionamentos sobre valores, vantagens, tarifas, cumprimento e qualidade dos serviços e prazos, apresentados pela Cagece no projeto para as obras de saneamento e abastecimento. Dúvidas que foram explicadas pelo próprio presidente da companhia, Neuri Freitas. Além de responder os questionamentos, ele apresentou argumentos para a realização do serviço.

“O governo federal não tem recurso para saneamento. Estado e município se esforçam, mas não dão conta, e nos resta a iniciativa privada. Para que o impacto não seja tão absurdo nas tarifas cobradas pela companhia, há essa necessidade de renovação e extensão do contrato”, destacou.

Representando o município, o prefeito Arnon Bezerra (PTB) participou do evento e ressaltou a importância da audiência. Segundo ele, os investimentos para o saneamento chegam ao montante de mais de R$ 478 milhões. “Vemos o crescimento da cidade de uma forma assustadora. Todas as vezes que alguém tece um elogio ao município, destaca a falta de saneamento”, afirmou.

Ainda conforme Arnon Bezerra, quando a obra pode causar alguns transtornos momentâneos no início, mas depois haverá a efetiva certeza de um grande serviço. “Agora chegou a hora e a vez de Juazeiro do Norte e não podemos protelar essa questão. Saneamento básico é a garantia de saúde e bem-estar”, disse.

O prefeito vinha pleiteando investimentos para o saneamento por meio do Banco da Comunidade Andina. O petebista afirmou que, nesse momento, caso obtenha recursos, irá destinar às obras de drenagem.

Em sua fala, o secretário de Estado de Cidades, Paulo Henrique Lustosa, destacou a importância de Juazeiro do Norte aderir ao projeto, pois a cidade, por ser a maior da Região Metropolitana do Cariri (RMC), é a que mais agrega no projeto de saneamento proposto pelo Estado, e sem a sua participação, o projeto é quase nulo.

Com informações da Prefeitura de Juazeiro do Norte