Audiência proposta por Frei Valdair debate cavalgadas em Anápolis (GO)

PTB Notícias 21/06/2014, 8:49


Por iniciativa do Vereador Frei Valdair de Jesus (PTB) foi realizada, nesta semana, no Plenário da Câmara Municipal de Anápolis (GO), a AUDIÊNCIA PÚBLICA com o tema “CAVALGADAS EM ANÁPOLIS”.

O objetivo de Frei Valdair de Jesus foi reunir as autoridades municipais para discutir formas de continuar realizando as cavalgadas sem trazer problemas para a cidade.

“Trouxemos aqui todas as entidades que fazem a organização do município para discutir sobre esse evento que é cultural, faz parte do nosso povo e que, de repente, por motivos diversos e sou favorável a isso, houve um questionamento da promotoria em questão da realização das cavalgadas.

Agora estamos chamando a responsabilidade para nós para tentar resolver esse problema”, explicou o petebista.

Compuseram a Mesa Diretora: o Propositor Frei Valdair (PTB), Ten.

Peres (representou o Cel.

Maia do 4º Batalhão da PM), Alex Araújo (Diretor do CMTT), Francisco Xavier (Vice-Presidente do Sindicato Rural), Sírio Miguel (representou o Prefeito João Gomes) e os Vereadores: Amilton Filho (SDD), Eli Rosa (PMDB) e Mauro Severiano (SDD).

Participaram dos debates os Presidentes da Comitivas que organizam as Cavalgadas em Anápolis.

Também fizeram o uso da palavra o Diretor do CMTT, Alex Araújo e o Diretor de Turismo do Município, Sírio Miguel.

Para o diretor da Companhia Municipal de Trânsito e Transporte (CMTT), Alex Araújo, o momento da discussão é oportuno porque vários aspectos precisam ser analisados.

“Ações preventivas são sempre mais eficazes.

Hoje a grande dificuldade é que até os organizadores não têm controle sobre o evento.

Da forma como está não pode continuar e entendemos que a cultura e a segurança têm que caminhas juntas”.

A Prefeitura entende que as cavalgadas fazem parte do histórico de Anápolis.

De acordo com o diretor de Turismo do município, Sírio Miguel, o evento retrata o início de fundação da cidade.

“Foi assim que nossa história começou e é um fato que não pode simplesmente deixar de existir, mas precisa ser melhor organizado.

As leis já existem, temos o Código de Posturas que versa sobre os eventos realizados no município.

O que precisa é que essa atividade seja regulamentada e melhor organizada”, afirmouApós os pronunciamentos, foi decidido que será criada uma comissão conjunta entre Instituições especializadas (Comitivas) para formular propostas e estabelecer normas, para chegar as devidas soluções junto Ministério Público de nossa cidade.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da assessoria do vereador Frei Valdair (PTB-Anápolis/GO) Foto:Divulgação