Benito Gama cobra frequência no repasse da União às universidades públicas

PTB Notícias 18/06/2015, 12:10


Em vídeo publicado em sua página no Facebook, no sábado (13/6/2015), o deputado Benito Gama (PTB-BA) afirmou que o governo não pode continuar transigindo em corte de verbas das universidades federais e cobrou liberação mensal dos recursos destinados à educação.

“O ajuste fiscal é fundamental.

A economia precisa ser ajustada.

Agora, com este corte nos recursos elas [as universidades] estão totalmente paralisadas.

Isso é um absurdo.

A frequência das liberações de recursos para as universidades é fundamental.

Não adianta ficar liberando recursos de seis em seis meses, de ano em ano.

O importante é que liberação ocorra com frequência todos os meses para que as atividades das universidades sejam atendidas”, disse.

De acordo com Benito, ao paralisar um sistema educacional é criado um problema “fantástico” para a geração que está estudando e abre espaço para as universidades privadas entrarem no mercado.

“Todas as universidades públicas e federais do Brasil possuem um histórico de contribuição social, política e de gestão e não podem ficar abandonadas”, afirmou.

O deputado baiano prometeu convocar parlamentares para irem à presidente Dilma Rousseff e ao ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, cobrar uma posição para que a educação volte a ser prioridade no Brasil.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações do Bahia 247Foto: Gustavo Lima/Câmara dos Deputados