Benito Gama recebe assessora Sênior de Hillary Clinton, Reta Jo Lewis

PTB Notícias 27/01/2012, 15:38


A secretária americana, Reta Jo Lewis, está no país visitando as cidades sede da Copa do Mundo FIFA Brasil 2014.

Em Natal (RN), Reta Jo Lewis foi recebida pelo secretário chefe do Gabinete Civil, Anselmo Carvalho, e pelos secretários de Estado do Desenvolvimento Econômico, o petebista Benito Gama, e do Turismo, Ramzi Elali.

O objetivo das visitas é realizar cooperações bilaterais, fortalecendo acordo firmado entre o presidente Barack Obama e a presidente Dilma Rousseff quando o americano esteve no Brasil ano passado.

“Queremos colher informações sobre quais são as áreas mais interessantes para se firmar parcerias tanto com o poder público como com o privado”, explicou a assessora.

O secretário Anselmo Carvalho explicou que a obra da Arena das Dunas está dento do cronograma previsto e apresentado à FIFA.

Ele solicitou a possibilidade de enviar uma delegação formada por profissionais da área da segurança pública para conhecer o sistema adotado pelas polícias de estados como o de Nova York ou Washington, que historicamente recebem grandes eventos.

Reta Jo Lewis disse que nos EUA, 27 cidades costumam receber mega eventos como a Copa do Mundo, Jogos Olímpicos e torneios de Futebol Americano e que todas estão à disposição para receber a delegação potiguar para uma troca de experiências.

A assessora americana explicou que o governo do Estado pode entrar em contato com a Embaixada Americana em Brasília (DF) ou com o Consulado em Recife (PE) para obter maiores informações e escolher o melhor local e data para enviar a delegação.

Já o Secretário de Estado de Turismo aproveitou a oportunidade para falar sobre a instalação de voos direto dos EUA para Natal.

“Temos quatro voos semanais direto para a Europa e nenhum para os Estados Unidos”, disse Ramzi Elali.

O secretário Benito Gama reforçou a solicitação dizendo que o governo do Estado se propõe a reduzir cerca de 15% o custo do combustível para tornar mais atrativo.

“Sabemos que as companhias aéreas são empresas privadas, mas o governo americano pode nos ajudar na negociação”, disse o titular da Sedec.

Além desses assuntos, Benito Gama fez uma breve explanação sobre os potenciais econômicos do estado, como a energia eólica, energia solar, petróleo e gás, mineração, fruticultura.

O petebista falou também sobre o Aeroporto de São Gonçalo do Amarante, cuja obra começa na próxima semana, e sobre as negociações do governo potiguar com o governo federal para a construção de um novo porto em Natal.

Reta Jo Lewis disse que vários governos americanos estão focados no Brasil e é grande o interesse de firmar cooperações bilaterais, principalmente nos setores que geram emprego.

Mais uma vez ela destacou que a Embaixada e o Consulado americanos estão abertos para prestar esclarecimentos e assessorar no que for necessário para realizar as parcerias.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações do Governo do Rio Grande do NorteFoto: Elisa Elsie/Governo do RN