Benito Gama: trocar comando do MEC é ‘descontinuidade irresponsável’

PTB Notícias 1/10/2015, 18:23


O deputado Benito Gama (PTB-BA) considerou uma “descontinuidade irresponsável” a nomeação de quatro ministros diferentes em 10 meses na pasta da Educação.

“Num país onde a educação está entre os maiores problemas, a presidente Dilma Rousseff age desta forma”, criticou o parlamentar, após o governo anunciar a saída de Renato Janine Ribeiro na quarta-feira (30/9/2015).

Segundo o trabalhista, o que preocupa além desta atitude do governo é a sequência do Plano Nacional de Educação (PNE), que determina um programa para a área.

“É preciso ter competência técnica e capacidade para lidar com a política do MEC”, disse.

O Ministério da Educação voltará a ser comandado por Aloizio Mercadante, que deixa a Casa Civil.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações do Bahia 247Foto: Gustavo Lima/Câmara dos Deputados