Biondini preside Frente de defesa das entidades de ajuda a dependentes

PTB Notícias 6/04/2011, 8:03


Foi instalada nesta terça-feira (05/04/2011), em solenidade realizada na Câmara dos Deputados, a Frente Parlamentar Mista em Defesa das Comunidades Terapêuticas, Acolhedoras e Associações de Proteção e Assistência aos Condenados (Apacs).

Na sessão de instalação, os parlamentares que compõem a Frente elegeram o deputado federal Eros Biondini, do PTB de Minas Gerais, como presidente desta associação suprapartidária, que é formada por 189 deputados federais e 23 senadores e pretende atuar na promoção de um amplo debate sobre a recuperação de dependentes químicos no País.

Ao comandar a instalação da Frente, o deputado petebista Eros Biondini apresentada a Pauta Brasil de Combate às Drogas, que inclui sugestões para aprimoramento das políticas governamentais de prevenção, tratamento e reinserção social de dependentes de álcool e drogas.

Segundo o petebista, as comunidades terapêuticas são um instrumento eficaz de auxílio ao Poder Público no acolhimento dos dependentes químicos e de suas famílias.

“As Apacs são consideradas pela ONU como modelo de unidade prisional, em que o condenado tem a oportunidade de reinserção social por meio do trabalho.

Portanto, o trabalho desta Frente Parlamentar Mista pode se tornar um marco na luta contra o grande mal que são as drogas no mundo de hoje”, disse Biondini, que afirmou ainda ter ficado emocionado e surpreso com a quantidade de pessoas que compareceram ao lançamento da Frente Parlamentar.

O presidente da Frente, Eros Biondini, ressaltou ainda o trabalho que será feito em conjunto com entidades como os Vicentinos e a Pastoral Carcerária da Igreja Católica.

“É de fundamental importância esses movimentos que se comovem com a dor do semelhante, e que, sem querer nada em troca, nascem para ajudar o seu próximo e se organizam porque boa vontade não é suficiente.

Nós temos que crescer no conhecimento, na capacitação, e realmente essas entidades, essas pastorais estão de mãos dadas em todas as discussões de políticas públicas para a defesa da vida.

“, disse o petebista.

Agência Trabalhista de Notícias (EL)