Cabo de Santo Agostinho comemora 200 anos com inauguração de escola

PTB Notícias 22/07/2011, 23:11


A cidade pernambucana de Cabo de Santo Agostinho comemora, na próxima quarta-feira (dia 27 de julho de 2011), 200 anos de sua elevação à Vila.

A importante data histórica será celebrada pela Prefeitura com a entrega da Comenda João Paes Barreto – Morgado do Cabo, a autoridades e personalidades com relevantes serviços prestados ao município.

A solenidade, presidida pelo prefeito de Cabo, o petebista Lula Cabral, contará com a presença do governador Eduardo Campos e vai acontecer, às 10h, na Escola Modelo de Enseada dos Corais, que será inaugurada na ocasião.

O Cabo também comemorou, no dia 9 deste mês, 134 anos de emancipação política, com celebrações religiosas, a realização da tradicional Corrida da Ladeira, a Caminhada da Terceira Idade e o Passeio Ciclístico de Ponte dos Carvalhos, além do corte de um bolo com 150 quilos.

Segundo o chefe de Gabinete do Prefeito, Dermeval Florêncio, a Comenda João Paes Barreto – Morgado do Cabo, a ser entregue na próxima quarta-feira, vai homenagear pessoas que contribuíram para o desenvolvimento cultural, social e econômico do município.

“A comenda leva o nome do primeiro Morgado do Cabo, a primeira pessoa que, através dos banguês dos engenhos de cana-de-açúcar, projetou economicamente o município”, explica Dermeval.

HISTÓRIA – O Cabo de Santo Agostinho reúne muitas histórias ao longo dos seus 134 anos de emancipação política.

Mas é na metade do século XVI que começam a surgir as primeiras povoações.

Chamadas na época de Arraial do Cabo, eram formadas pelo Orago (espécie de santuário) a Santo Antônio Igreja Matriz e por casas esparsas.

Estima-se que o verdadeiro povoamento aconteceu em 1618.

Após dois séculos, a povoação foi elevada à vila do Cabo de Santo Agostinho por força de documento em 27 de julho de 1811 e Provisão Régia em 15 de fevereiro de 1812, enviada ao governador da província, o general Caetano Pinto de Miranda Montenegro.

A instalação da vila se deu em 18 de fevereiro de 1812, pelo ouvidor e corregedor-general da Comarca do Recife, Clemente Ferreira de França.

Em 9 de julho de 1877, foi elevada à categoria de Cidade do Cabo de Santo Agostinho, e pela Lei Provincial Nº 1.

269, ganhou a denominação de município de Santo Agostinho do Cabo.

fonte: Assessoria de Imprensa da cidade de Cabo de Santo Agostinho (PE)