Câmara do Deputados elege hoje o seu presidente

PTB Notícias 1/02/2021, 17:08


Imagem

Na noite desta segunda-feira, 1° de fevereiro, a partir das 19h, acontecerá a votação para o cargo de Presidente da Câmara dos Deputados e do Senado Federal. O pleito será presencial com voto secreto por sistema eletrônico. Na ocasião, também serão escolhidos os demais ocupantes da Mesa Diretora, conforme o critério de proporcionalidade partidária, sendo dois vice-presidentes, quatro secretários e os respectivos suplentes.

O candidato do PTB é o deputado Arthur Lira (PP-AL). O apoio foi anunciado em 18 de janeiro, em encontro da bancada do partido na Câmara com o presidente do partido, Roberto Jefferson. O Líder Nivaldo Albuquerque, no encontro, informou sobre a integração ao bloco formado por PP, PL, PSD, Republicanos, Pros, Podemos, PSC, Avante e Patriota em apoio à Lira.

“A bancada vai votar toda unida na candidatura do Lira. A demora foi justamente porque precisávamos ter unanimidade na bancada. Temos uma bancada pequena e, como uma bancada pequena, não pode ficar dividida nunca. Alguns deputados estavam em dúvida, mas hoje conseguimos chegar a um consenso, a uma unanimidade”, afirmou Nivaldo Albuquerque à imprensa.

Presidente Nacional do PTB, Roberto Jefferson, e Graciela Nienov, Vice-Presidente Nacional do PTB e Presidente Nacional do PTB Mulher, reforçaram o apoio do partido e da bancada à Lira em tweets publicados em seus perfis pessoais nesta segunda-feira (01/02).

Na próxima quarta-feira (3/02), o Congresso Nacional se reúne para a solenidade de abertura dos trabalhos legislativos de 2021. Na cerimônia serão apresentadas as mensagens dos chefes dos Três Poderes falando sobre as prioridades para 2021.

Quem é Arthur Lira

Natural de Maceió, no estado de Alagoas, Arthur Lira é advogado e agropecuarista. Iniciou assumindo os cargos de deputado estadual (AL) e de vereador, em Maceió. Atualmente, está em seu terceiro mandato como Deputado Federal pelo Progressistas (PP) e é o líder do PP na Câmara.

Fotografia: Jefferson Rudy/Agência Senado