Canziani destaca relevância do ensino técnico para desenvolvimento do país

PTB Notícias 28/03/2013, 16:21


Um estudo realizado com profissionais formados no Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) mostra que, um ano depois de obterem o diploma, os trabalhadores de nível técnico conseguem aumentar sua renda em 24%.

O levantamento – feito pela própria instituição entre 2010 e 2012 – acompanhou metade das quase 40 mil pessoas que terminaram os cursos em 2010 com o objetivo de analisar os impactos da educação profissional na sua empregabilidade.

O presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Educação do Congresso Nacional, deputado Alex Canziani (PTB-PR), destaca mais uma vez a relevância do ensino técnico para o desenvolvimento do país.

“Não tenho dúvida de que precisamos levar as escolas técnicas para todo o país.

Precisamos de pessoas qualificadas para evitarmos um “apagão na mão de obra””, salienta o petebista.

“Não podemos crescer no patamar dos países desenvolvidos sem uma educação de qualidade.

E estou certo de que a educação profissional é o principal caminho para atingirmos nossos objetivos no campo do desenvolvimento econômico do país.

“O Senai oferece mais de 80 mil vagas gratuitas somente dentro do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

Nesse caso, todo o curso é custeado pelo governo federal, assim como transporte, alimentação, material didático, uniformes dos estudantes.

Os interessados devem estudar em escolas públicas ou em particulares com bolsa integral ou ter concluído o ensino médio em escola pública.

Agência Trabalhista de Notícias (NM), com informações do site do deputado Alex Canziani (PTB-PR)