Capixaba vai ao ministro da Agricultura pedir por recursos para Rondônia

PTB Notícias 3/10/2013, 7:08


O deputado Nilton Capixaba (PTB) realizou audiência na terça-feira (1/10/2013) com o ministro da Agricultura, Antônio Ferreira, em nome da bancada federal de Rondônia, pedindo mais apoio para o estado.

O parlamentar disse ao ministro que precisa urgente de recursos para a construção do armazém da cidade de Cerejeiras, que vai permitir ao agricultor que sua produção seja armazenada no próprio estado, sem ter que ir para Mato Grosso de caminhão e depois voltar na entressafra, encarecendo o frete e aumentando o preço final dos produtos ao consumidor.

Com esse armazém, “a produção fica no próprio estado e o preço será barateado para a população que precisa se alimentar melhor”, disse Capixaba.

Nilton Capixaba informou ao ministro Antônio Ferreira que a Prefeitura de Cerejeiras já cedeu à área para a construção desse importante armazém.

Na audiência, o ministro se comprometeu em dar celeridade aos recursos para a construção desse armazém que atenda aos produtores daquela localidade e região.

Além disso, o ministério vai garantir aos produtos o preço mínimo do que é produzido, para que os agricultores não se sintam obrigados a vender muito barato suas produções na chamada entressafra, o que prejudica muito o setor.

SFA O deputado Nilton Capixaba aproveitou a audiência para entregar um relatório feito pela Superintendência Federal de Agricultura (SFA) que denuncia a precária situação daquele órgão.

O superintendente Valter Lins, além do seu próprio salário defasado, enfrenta uma equipe em condições de aposentadoria inviabilizando o desenvolvimento dos trabalhos daquele órgão.

Capixaba solicitou ao ministro uma reforma urgente na estrutura, com contratação de mais pessoas através de concurso público e melhorias nas gratificações dos mais diversos setores, principalmente na fiscalização.

O deputado disse ainda ao ministro que ele não pode ter a sua administração marcada pela volta da aftosa que cria problemas não só para Rondônia, como para todo o Brasil e os países vizinhos que poderão ter a sua economia arrasada pela falta de providência.

O ministro disse a Capixaba que, através da Secretaria Executiva, vai verificar a possibilidade urgente do nivelamento da SFA de Rondônia com as demais do país, tornando mais viável o trabalho dos servidores e suas gratificações voltadas a cada função.

* Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal Rondônia Dinâmica