Carlos Dunga diz que Ciranda de Serviços retomará atividades na Paraíba

PTB Notícias 10/05/2007, 13:55


O secretário-chefe da Casa Civil do governo da Paraíba, o petebista Carlos Dunga, informa que o Programa Ciranda de Serviços, que reúne ações desenvolvidas por 10 secretarias e 12 órgãos do Governo do Estado e que em dois anos promoveu mais de um milhão de atendimentos no Estado, retomará suas atividades no próximo dia 23 de maio, no bairro Padre Zé, em João Pessoa.

Antes, porém, no dia 20, será implementada uma versão compacta na cidade de Riachão.

Foi o que ficou acertado durante o 1º Workshop de Planejamento da Ciranda de Serviços.

A oficina serviu para uma avaliação do que foi realizado durante os dois anos de implantação do programa lançado pelo governador Cássio Cunha Lima.

O evento reuniu os secretários das pastas integrantes do programa.

Por todo o dia, as pessoas envolvidas na sua execução participaram de um ciclo de palestras em torno das ações que são direcionadas à população de baixa renda.

Tendo a Secretaria da Casa Civil como coordenadora geral, o Ciranda de Serviços dispõe da prestação de serviços em 24 modalidades.

Pela programação, depois de João Pessoa, volta a Campina Grande no dia 9 de junho e será instalada em Juazeirinho, no dia 12.

Outros municípios já estão inscritos para receber a estrutura de atendimento coletivo.

Segundo o secretário-chefe da Casa Civil, Carlos Dunga, a proposta é levar o programa, mesmo com uma dimensão menor, para as cidades com menos de 15 mil habitantes, inclusive com a possibilidade de ser estendida até às comunidades rurais.

Presente à reunião, a ex-primeira-dama do Estado, Glória Cunha Lima, tem-se destacado como principal orientadora das ações, atuando de forma voluntária.

Ela solicitou o empenho de todos os auxiliares do governo envolvidos no Programa Ciranda de Serviços para que o atendimento do Governo possa chegar ao maior número de pessoas carentes nos próximos quatro anos.

A coordenadora do Programa, Maria Elilia de Farias Cascudo, informou que o Ciranda de Serviços tem evoluído rumo à melhoria nos atendimentos promovidos, levando em consideração as necessidades e expectativas dos parceiros e dos beneficiados.

“Para tanto, precisamos formular estratégias que busquem, dentro do contexto atual, oportunidades e alternativas”, disse.

De acordo com levantamento feito, nos dois anos de funcionamento, aproximadamente um milhão de atendimentos foram promovidos no Programa Ciranda de Serviços, em 32 municípios dos 50 selecionados com mais de 15 mil habitantes.

No total, foram realizadas 73 instalações do programa na Paraíba.

Em João Pessoa foram atendidos 18 bairros, tendo começado pelo Bairro Esplanada.

Já em Campina Grande, foram nove bairros atendidos.

Os resultados por regiões ficaram da seguinte maneira: Total de atendimentos por região:Zona da Mata.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

394.

091 Agreste.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

301.

901 Compartimento da Borborema.

.

.

.

.

.

.

64.

497 Sertão.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

219.

239