Cassio Trogildo recebe solicitação de líderes e conselheiros do Orçamento Participativo

PTB Notícias 29/07/2016, 9:19


Imagem Crédito: Leonardo Contursi/CMPA

[vc_row][vc_column][vc_column_text css=”.vc_custom_1469829512547{margin-bottom: 0px !important;}”]O presidente da Câmara Municipal de Porto Alegre (RS), vereador Cassio Trogildo (PTB), recebeu na quinta-feira (28) das mãos de líderes comunitários e conselheiros do Orçamento Participativo (OP) uma carta que solicita apoio político da Câmara para a desocupação da sede do Departamento Municipal de Habitação de Porto Alegre (Demhab), invadida desde o dia 14.

O grupo de ocupantes é liderado por movimentos sociais e exige, dentre outras demandas, a regularização fundiária das famílias da Vila Dique, comunidade da zona norte da capital gaúcha.

No dia 22, a 5ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre negou, em primeira instância, um pedido liminar de reintegração de posse protocolado pela Procuradoria-Geral do Município (PGM). Desde o início desta semana, o Demhab suspendeu o atendimento ao público na unidade. Segundo os conselheiros do OP, isso comprometeu uma série de demandas importantes, como o programa Minha Casa, Minha Vida, o Projeto Integrado Sócio Ambiental (Pisa) e o Aluguel Social.

Ao receber o documento, junto com os vereadores Luciano Marcantônio (PTB) e Reginaldo Pujol (DEM), o presidente da Câmara disse que considera absurda a decisão da Justiça em não conceder a reintegração de posse. “A democracia está sendo desrespeitada”, afirmou.

Cassio Trogildo disponibilizou a Tribuna Popular da Casa aos membros do OP na primeira sessão legislativa após o recesso parlamentar, que acontece na segunda-feira (1º). Na mesma data, ocorre o julgamento, em segunda instância, do pedido de reintegração de posse encaminhado pela PGM.

Com informações da Câmara Municipal de Porto Alegre[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]