Célia Rocha analisa seu trabalho e comenta visita de Presidenta Dilma

PTB Notícias 1/08/2011, 14:58


Na manhã da última quinta-feira, 28/07/2011, a deputada federal Célia Rocha (PTB-AL) concedeu entrevista ao programa Comando Geral da Rádio Novo Nordeste e voltou a afirmar que não será candidata em 2012.

A parlamentar pregou união entre os políticos e comentou sobre a vinda da presidenta Dilma.

Célia Rocha analisou seus seis primeiros meses de mandato na Câmara Federal, dizendo que existe dificuldade em “encontrar espaço” como deputada federal.

“É importante, apesar de muito difícil.

Tanta luta.

É um ambiente de muitas disputas.

Às vezes a gente não se sente produtiva.

Mas, nesse inicio de mandato estamos conhecendo as pessoas, abrindo portas”, falou.

Sobre a possibilidade de se candidatar a prefeitura de Arapiraca na eleição do próximo ano, Célia Rocha confirmou que não deixará seu mandato de deputada.

“Vou honrar meu mandato.

Vou passar os quatro anos lá.

Os eleitores me deram votos e vou trabalhar com a responsabilidade que assumi”, afirmou a ex-prefeita, completando: “Poderia sair, mas colocaria quem na câmara? Não poderia abrir mão de uma pessoa para trabalhar pelo Agreste e Sertão”.

União”Tenho vontade de unir Arapiraca, mas tem muita coisa que atrapalha.

Muitas vezes a gente precisa engolir sapo e não pode se engasgar com mosquito.

Tenho um carinho muito especial com o governador Téo Vilela.

Como seria bom poder juntar Luciano, Célia, Renan e Téo.

Principalmente para que Luciano Barbosa seja nosso governador depois do Téo.

Não existe nome melhor”, destacou a deputada, respondendo a uma das perguntas dos ouvintes.

Dilma em ArapiracaA vinda da presidenta Dilma a Arapiraca para lançar o programa “Brasil sem Miséria” também foi comentada por Célia Rocha.

Para ela, a escolha de Dilma para lançar um programa social na cidade mostrou a importância que o município tem no cenário nacional.

A parlamentar também falou sobre a divulgação de Arapiraca na mídia nacional.

“Arapiraca que já vive na mídia por conta do nosso ASA Gigante, voltou a cena.

Estou muito feliz por nossa cidade ter sido escolhida.

Fundamental pra nossa cidade.

No dia seguinte repercutiu no país todo, principalmente em Brasília”, opinou Célia Rocha.

Por fim, a ex-prefeita não deixou de alfinetar o Governo do Estado devido ao problema da falta de água no interior de Alagoas.

“Enquanto o Governo tenta a PPP (Parceria Pública Privada), o prefeito Luciano Barbosa pediu a presidenta para que encaixasse o PAC”, disse.

Agência Trabalhista de Notícias (PB), com informações do Site Cada Minuto