Chico Balla anuncia abertura de novas linhas de crédito em Itumbiara (GO)

PTB Notícias 18/07/2013, 8:19


O prefeito de Itumbiara (GO), Chico Balla (PTB), anunciou na segunda-feira (15/7/2013) a abertura das novas linhas de crédito do Banco do Povo.

A pedido do prefeito, o diretor do orgão no município, Silvio Camargos, esteve em Goiânia para se inteirar das atuais operações.

A reunião foi realizada com as presenças do superintendente do Banco do Povo, Osmar Moura; do presidente da Agência de Fomento, Luiz Maronezi, e do secretário de Gestão e Planejamento, Giuseppe VecciAs operações das novas linhas de crédito denominadas CREDI PAI – Plano Ação Integrada de Desenvolvimento, vão atender as categorias classificadas como microempresários individuais e micro e pequenas empresas.

O setor produtivo também poderá se beneficiar dos financiamentos que foram ampliados e as taxas de juros reduzidas.

A Agência de Fomento vai financiar de R$ 10.

001,00 a R$ 25.

000,00 com uma taxa reduzida para 0,25% ao mês, prazo de pagamento de até 36 meses e carência de 6 meses.

O Banco do Povo vai financiar valores que vão de R$ 500,00 a R$ 10.

000,00 com juros de 0,25% ao mês, prazo de pagamento de 36 meses e carência de 6 meses.

“Os novos créditos dinamizam a economia do nosso município e dão ânimo aos empreendedores.

É nosso propósito abrir oportunidades e permitir que as ideias sejam exploradas com esses recursos.

Trabalhamos em sintonia com o governo estadual para que negócios do Banco do Povo e Agência de Fomento possam potencializar o resgate da cidadania”, declarou o prefeito Chico Balla.

Em Itumbiara, o Banco do Povo e Agência de Fomento esperam beneficiar com o financiamento popular todos os segmentos: piscicultura, prestação de serviço, artesanato, beleza, cosméticos, alimentação, confecção e vestuários, incluindo ainda feirantes e empreendedores individuais, micro e pequenas empresas.

Outra categoria é a de produtores rurais que podem ter acesso ao crédito rural com os menores juros e melhores condições do mercado.

* Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal Caldas Novas online