Chico Galindo faz balanço da gestão para os membros do Senadinho

PTB Notícias 29/07/2011, 14:35


O prefeito de Cuiabá, Chico Galindo (PTB), almoçou nesta quinta-feira, 28/07/2011, com os membros do Senadinho.

O encontro, realizado no Palácio Alencastro (sede da Prefeitura) durou mais de duas horas, e serviu para que Galindo fizesse um prestação de contas de sua gestão, principalmente das ações promovidas no primeiro semestre de 2011.

Como explicou Leopoldo Fortunato, o Senadinho é composto por um grupo de homens públicos aposentados, que atuam como “defensores da cidade de Cuiabá”.

“Estamos atentos as necessidades da população e vigilantes na administração municipal”, informou ele.

Além de fazer um balanço de sua gestão, Galindo se reuniu com o Senadinho para ouvir dos representantes da sociedade a opinião sobre a concessão dos serviços de água e esgoto.

Galindo explicou que seu primeiro ano de administração, o ano de 2010, foi complicado para a realização de projetos devido ao período eleitoral, mas que este ano tem conseguido promover uma série de ações, em quase todas as áreas, especialmente na infra-estrutura e saúde.

O prefeito mostrou que está trabalhando para equilibrar as contas do município, incrementando o setor de arrecadação e promovendo uma série de ajustes para que o município gaste os recursos disponíveis com mais austeridade e eficácia.

“Hoje, conseguimos equilibrar nossas contas.

Pagamos nossas despesas mês a mês sem deixar dívidas.

Já conseguimos pagar R$ 40 milhões do total de R$ 62 milhões de dívidas herdadas e, o mais importante, estamos pagando os servidores municipais dentro do mês.

Hoje, por exemplo, todos receberam o mês de julho”, destacou Galindo.

Na área da saúde, o prefeito disse que ainda há muito que avançar, mas que muito já foi realizado, como uma ampla reforma no Pronto Socorro de Cuiabá.

Ele destacou que o grande problema na capital, é que 52% dos atendimentos são de pessoas de fora do município – do interior e até de outros estados.

O problema poderá ser resolvido com o Governo do Estado passando a gestão do Hospital e Pronto Socorro de Cuiabá para uma OS (Organização Social), assim como tem sido feito com outras unidades de saúde do Estado.

De acordo com o prefeito, isto deve acontecer em um prazo de 90 a 120 dias.

Ele elencou as ações do Multiação – programa que investiu R$ 40 milhões em ações de infraestrutura, como limpeza, operação tapa buracos e recapeamento de ruas e avenidas.

“Quero agradecer ao Governo do Estado e a Agecopa que nos ajudou com metade dos recursos, ou seja, R$ 20 milhões”, disse o prefeito.

A meta, agora, é a execução do programa Poeira Zero, que prevê a pavimentação das vias de 59 bairros de Cuiabá.

O programa exigirá recursos no valor de R$ 214 milhões, sendo que R$ 55 milhões já estão garantidos por meio da Petrobras e os projetos já estão em fase de licitação.

Galindo trabalha na busca dos valores que faltam, sendo que os demais recursos poderão vir da possível concessão dos serviços de água e esgoto.

De acordo com o prefeito, a interlocução com o Senadinho será constante a partir de agora.

“São representantes da sociedade e homens que já trabalharam e ainda trabalham muito por Cuiabá.

Sinto-me honrado em recebê-los.

Eles estão aqui há tanto tempo, enquanto eu vivo aqui há apenas 14 anos.

Eu quero a opinião deles sobre a condução da cidade e os projetos que estamos desenvolvendo”.

Teotílio da Costa Filho, membro fundador do Senadinho e como ele gosta de ressaltar “único fundador ainda vivo”, será o interlocutor entre o Senadinho e o prefeito Chico Galindo.

Ele elogiou a iniciativa do gestor cuiabano em ouvir os representantes do grupo.

“O prefeito fez hoje os esclarecimentos que nós precisamos para repassar para a sociedade.

É necessária esta prestação de contas das ações para a sociedade.

Isto, agora será constante, e nós poderemos levar as informações para a população”.

Senadinho O Senadinho foi fundado há 35 anos, por homens públicos que prestaram serviços a Cuiabá.

Entre seus membros, estão ex-prefeitos e ex-vice-prefeitos da capital, como Aecim Tocantins.

“Infelizmente, o Aecim não pôde comparecer devido a um tratamento de saúde, mas ele pediu para dizer que está muito feliz com a iniciativa do prefeito Chico Galindo”, disse Leopoldo Fortunato.

De acordo com Teotílio da Costa Filho, para compor o Senadinho é preciso ser aposentado, ter prestado serviços a sociedade e ter uma vida ilibada.

Agência Trabalhista de Notícias, (IS) com informações da prefeitura de Cuiabá