Chico Galindo participa da cerimônia de lançamento do Cuiabá digital

PTB Notícias 29/10/2009, 11:50


O vice- prefeito Chico Galindo (PTB-MT), participou da cerimônia de lançamento do projeto á inclusão Cuiabá digital.

Democratizar o acesso às tecnologias da informação e comunicação a professores, alunos, funcionários e comunidade em geral.

Com essa proposta, a Secretaria Municipal de Educação de Cuiabá (SME) lançou dia 28/10 o projeto Cuiabá Digital em 24 escolas do município.

O programa prevê, além da disponibilização de equipamentos para acesso à internet e cursos de qualificação, cursos de formação na modalidade Educação a Distância nos laboratórios de informática instalados nas unidades de ensino da rede.

Com a qualificação, a SME pretende aumentar as oportunidades educacionais dos alunos por meio da inserção social promovida pelo acesso às novas tecnologias e contribuir para o enriquecimento curricular dos alunos do 1º, 2º e 3º Ciclos.

Aos professores, o Cuiabá Digital permitirá o contato com novas ferramentas de informação e comunicação como parte do seu desenvolvimento pessoal e profissional.

Para a comunidade, o projeto, por meio de qualificação profissional, ampliará as oportunidades de emprego e renda nos Tele centros, que serão implantados em diversas regiões da capital.

Entre os cursos oferecidos aos moradores estão o de motorista cidadão, porteiro, office boy, operador de telemarketing e gestor de micro e pequenas empresas.

As formações terão carga horária definida e certificação.

Galindo, afirmou que o momento “é muito importante para o avanço da educação no município”, pois a tecnologia, segundo ele, é um imperativo do mundo moderno.

“Ao mesmo tempo, vemos aqui alunos fazendo referências às nossas raízes.

É o passado, o presente e o futuro juntos na construção do conhecimento”, analisou, fazendo alusão a uma apresentação de siriri de estudantes da rede.

O petebista ainda destacou que Cuiabá é referência no trabalho desenvolvido na área da Educação, como no programa Escola de Tempo Integral, implementado em 40 escolas na capital.

“Tudo isso se deve a vocês, servidores da educação.

Vocês estão fazendo a diferença e mostrando que o Brasil tem solução”.

Para o secretário municipal de Educação, Carlos Carlão Pereira Nascimento, todo esforço da prefeitura tem o objetivo de trazer as crianças para a escola e garantir que esse espaço possa atender às necessidades desses alunos.

“Para isso, estamos investindo na infra-estrutura das escolas e preparando melhor nossos profissionais”, disse.

Carlão também lembrou que o município tem priorizado a inclusão digital dos profissionais da educação.

Em 2007, a prefeitura subsidiou dois terços de um computador para cada professor que estava em sala de aula.

“Cada professor pôde ter uma ferramenta a mais para a sua prática pedagógica”.

Segundo ele, o Cuiabá Digital irá integrar ainda mais a escola e a comunidade, além de permitir novas possibilidades no processo de ensino/aprendizagem.

“Temos a meta de fazer com que nossos alunos estejam, aos oito anos, lendo e escrevendo e efetuando as quatro operações.

Todo esse investimento na inclusão digital é para que a escola ensine melhor e o aluno aprenda mais”, finalizou.

Na oportunidade, o representante da Stelmat, empresa responsável pela implantação do projeto, Alan Araújo, disse que a parceria de trabalho com a SME diminuirá a distância entre aqueles que têm e os que não têm acesso à tecnologia.

“Temos que privilegiar ações desse tipo.

Nós, do setor de tecnologia, nos orgulhamos de colaborar para a inclusão social e sua expansão a toda sociedade”.

O primeiro Telecentro, que passará a operar a partir de hoje, foi implantado no bairro 1º de Março e, de acordo com coordenadora de programas e projetos da SME, Rosa Maria Araújo Luzardo, esses espaços serão ampliados em 2010.

“Somente este ano, pretendemos qualificar cinco mil pessoas”.

Para ter acesso aos terminais e aos cursos de formação, o morador receberá uma senha, que estará disponível no próprio centro de treinamento.

* Agência Trabalhista de Notícias com informações da prefeitura de Cuiabá