Collor relembra trajetória política de Itamar Franco no Congresso Nacional

PTB Notícias 11/08/2011, 12:51


O Congresso Nacional realizou nesta quarta-feira (10/08/2011) sessão solene em homenagem ao ex-presidente e ex-senador Itamar Franco – que faleceu aos 80 anos em 2 de julho passado –, que teve o senador Fernando Collor, do PTB de Alagoas, como um dos autores.

Em discurso para homenagear o companheiro de chapa na vitoriosa campanha para a Presidência da República em 1989, Collor relembrou as ideias, o pensamento e as reflexões do ex-senador Itamar Franco, por meio de discursos proferidos ao longo da sua carreira política.

Ao discursar em homenagem a Itamar, o parlamentar petebista relembrou como foi feita a indicação do então senador Itamar Franco para compor a chapa encabeçada por Collor na disputa presidencial de 1989.

“O então deputado federal Hélio Costa, já simpático à postulação, havia me trazido o nome de um senador de Minas por quem tinha ele estima e admiração, pela sua determinada atuação no Senado.

Levou-me então ao Senador Itamar Franco, à época no PMDB”, disse.

“Conversamos sobre assuntos diversos, sobre nossa visão de Brasil, o cenário político e eleitoral que se delineava.

Depois de duas longas conversas, em diferentes dias, combinamos que eu iria ao seu gabinete no Senado para fazer oficialmente o convite para que ele comigo formasse a chapa que disputaria a eleição que se avizinhava.

Convite feito, convite aceito, apertamo-nos as mãos, abraçamo-nos e começamos juntos a trabalhar no programa de governo que iríamos oferecer à sociedade brasileira”, relatou Collor.

Emocionado, o senador alagoano relembrou o período em que manteve estreita convivência e expressiva convergência de ideias, objetivos e determinações com o seu vice.

“Enfrentamos a campanha eleitoral unidos em torno de um projeto comum e efetivamente voltado para os interesses maiores da Nação”, disse.

Juntos, conseguiram formar a chapa vitoriosa no pleito de 1989, embora, segundo relatou o Fernando Collor, tenham sido inúmeras as opiniões adversas inicialmente emitidas contra a união dos dois e muitas as resistências que enfrentaram ao longo de toda campanha até a vitória nas urnas.

O ex-presidente da República destacou o discurso de despedida do Senado Federal feito por Itamar Franco em 1990, um dia antes de tomar posse como Vice-Presidente da República.

Ali, segundo Collor, se pôde verificar sua alma conciliadora na arena política e institucional de um lado e, de outro, sua preocupação no terreno econômico e social do país.

“Ele foi um amigo e um companheiro inexcedível nos momentos em que militamos juntos na política.

Um homem digno, coerente e acima de tudo, na inquietude positiva de seu temperamento, um defensor intransigente dos seus ideais.

Após um longo período em que nossos destinos se afastaram, retomamos, este ano, o convívio nesta Casa pelo exercício da senatória, no qual prevaleceram a amizade, a admiração e o respeito mútuo”, finalizou Collor.

Confira na íntegra o discurso de Fernando Collor: (?page=VerArquivoPage&cod=432) aqui.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações do site gazetaweb.

com Foto: Felipe Barra (Agência Senado)