Companhia de Transportes de Belém inicia curso para motoristas

PTB Notícias 25/08/2009, 9:58


O diretor-superintendente da Companhia de Transportes do Município de Belém (cidade administrada pelo petebista Duciomar Costa), Alfredo Sarubby, abriu na manhã desta segunda-feira (24), mais um curso voltado para operadores do transporte público.

A capacitação reúne 100 motoristas, cobradores e fiscais de ônibus que trabalham nas empresas da Região Metropolitana.

Essa é a 19ª turma do curso, que acontece no auditório do Senai/Cetam e pelo qual já passaram mais de 900 profissionais.

Como Alfredo Sarruby destacou aos participantes na abertura do evento que “o objetivo maior do curso é prestars um serviço de qualidade, com eficiência e eficácia, aos usuários do transporte público da Região Metropolitana de Belém.

“Desde o início de sua gestão, o prefeito Duciomar Costa tem dado bastante ênfase à qualificação profissional e esse é um investimento que, com certeza, vai dar um retorno positivo tanto para o operador quanto para o usuário do transporte coletivo”.

Após a abertura, ocorreram duas palestras, uma ministrada pela Federação dos Idosos, sobre os seus direitos e o comportamento que os operadores devem ter com essa categoria de usuário, e outra pelo coordenador de Transporte da CTBel, Walter Campos, que abordou a natureza, finalidade, função básica e estrutura organo-funcional da companhia.

O curso tem carga de 30 horas e se estende até 4 de setembro, sempre das 8h às 11h.

Além das palestras, os participantes terão aulas sobre o Código de Trânsito Brasileiro (CTB); direção defensiva; atitudes do condutor e do cobrador e providências emergenciais em caso de acidente de trânsito; agentes sociais do trânsito e transporte; usuários e passes especiais; relações humanas no trânsito; relacionamento com turista nacional ou internacional; meio ambiente; estratégias de segurança pública no transporte coletivo; e a importância e o papel do sindicato da categoria rodoviária.

No penúltimo dia do curso, 3 de setembro, haverá aula prática dentro de um ônibus, com três horas de duração, e onde serão identificadas e analisadas pelos participantes as situações mais diversas que acontecem durante uma viagem em coletivo, onde os operadores do sistema farão o papel de usuário, circulando no ônibus com olhos vedados, e outros com peso nas pernas simulando serem portadores de necessidade especial e idosos.

Esta aula terá o acompanhamento da CTBel, sindicato dos rodoviários, Setrans-Bel, Ministério Público Estadual, federação de aposentados e idosos e dos portadores de necessidades especiais.

* Agência Trabalhista de Notícias com informações da Prefeitura de Belém