Conheça Tanise Sabino, a vereadora mais votada pelo PTB em todo Brasil

PTB Notícias 13/01/2021, 8:30


Imagem

Tanise Sabino (PTB/RS) foi a vereadora eleita mais votada pelo PTB em todo Brasil.

Com formação em psicologia, a petebista pretende usar o conhecimento na área para pensar políticas públicas para saúde pública. Suas principais bandeiras são: a promoção da saúde mental e a valorização da vida promovendo a prevenção da automutilação e suicídio.

Tanise tem quase 20 anos de militância na vida política e entende que a mesma, deve ser usada para promover educação e trabalhar assuntos que promovam à cidadania, e a saúde como um todo.

O PTB Notícias, em entrevista, conversou com Tanise por telefone.

Conte um pouco da sua trajetória

Minha trajetória no PTB vem há quase 20 anos, como filiada, militando há todos esses anos. Faço parte da Executiva do PTB de Porto Alegre (RS), do PTB Mulher Estadual, e hoje sou a primeira tesoureira do PTB Mulher Nacional.

Fui presidente do PTB Mulher de Porto Alegre (RS) por 6 anos, o qual entreguei o cargo, em 2018, em função do desafio de concorrer para o cargo de vereadora da capital gaúcha.

Sempre levantei a bandeira do PTB, acredito que é um espaço muito importante para a atuação das mulheres na política.

A minha trajetória política começou em 2004, quando apoiei meu sogro, Pr Elizeu Sabino, para candidato a vereador, e também na campanha do prefeito Fogaça.

Além de ter mais de 15 anos na administração pública municipal, trabalhei em diversos órgãos públicos da prefeitura. Além de Secretaria Adjunta de Planejamento Estratégico e Orçamento, fui a primeira vereadora eleita, com formação fora da política, como psicóloga.

Alguns órgãos que Tanise Trabalhou:

Secretária Adjunta da Secretaria de Planejamento Estratégico e Orçamento da Prefeitura de Porto Alegre no Governo Fortunati (2015-2016)

Diretora da Escola de Gestão Pública da Prefeitura (2009-2015);

Chefe do Gabinete Médico do DMAE da Prefeitura de Porto Alegre (2005-2009)

Assessora da Fundação de Assistência Social – FASC – (2005)

Também tem formação, como bacharel em psicologia há 16 anos.

Especializações de Tanise:

Mestrado Acadêmico em Psicologia Clínica (UNISINOS)

Especialista em Gestão Pública (UFRGS)

Especialista em Coordenação e Dinâmicas de Grupos (SBDG)

Especialista em Psicologia Organizacional (IDG)

Fale-nos dos Desafios enfrentados na vida política

Em 2012, meu esposo, Elizandro Sabino concorreu à vereador em Porto Alegre e fez 6.741 votos, e eu coordenei a campanha juntamente com outro colaborador.

Já na reeleição à vereador em Porto Alegre, ele fez quase 10.000 votos.

A partir daí comecei a pensar a carreira política fora dos bastidores, mas à frente, como protagonista. E ainda em 2018 dei apoio ao meu esposo quando se elegeu para candidato a deputado estadual e teve vitória, com 36.033 votos.

Agora, com a vitória como vereadora mais votada do PTB Mulher, em Porto Alegre (RS), e em todo Brasil, nessas eleições municipais de 2020, pretendo trabalhar com afinco para honrar o PTB e as bandeiras da mulher no Estado, juntamente com as áreas de saúde mental, as quais, como psicóloga, me dedico a propor políticas públicas na saúde, com propriedade.

Quais são os projetos para o primeiro semestre de 2021?

Como psicóloga e como candidata sempre trabalhei muito a saúde mental. Para isso, estamos querendo instalar duas Frentes Parlamentares:

A primeira Frente será sobre a promoção da saúde mental, com o objetivo de promover a prevenção das doenças mentais, como depressão, estresse, ansiedade, dependência química, entre outras.

A Frente irá se propor também desenvolver ações de promoção à saúde mental, visando à conscientização para adoção de hábitos saudáveis desenvolvidos ao público geral e fundamentadas na premissa da educação para o autocuidado.

Entendo que a saúde mental é essencial. Pois, quando uma pessoa é abatida por uma doença mental, ela é prejudicada em várias áreas.

A segunda Frente será a Frente Parlamentar de Prevenção ao Suicídio e Automutilação, com o objetivo de informar a comunidade Porto Alegrense sobre fatores de risco e proteção em relação a estes fenômenos ; desmistificar a problemática; orientar sobre como proceder em tais casos; como prevenir, sugerir políticas públicas.

E os principais entraves e dificuldades para realização desses projetos?

É trabalhar com a sociedade os preconceitos em relação a doença mental. Precisamos trabalhar com as instituições, sociedade civil e governo, sobre a importância da saúde mental.

A saúde mental é uma parte integrante da saúde. Não havendo saúde, sem saúde mental.

Minha proposta é trazer o debate sobre as doenças mentais, como assunto imprescindível, definidor de outras áreas, inclusive como economia e bem estar público.

Foto: Arquivo pessoal