Conte Lopes critica norma que impede policiais de prestarem socorro

PTB Notícias 3/04/2013, 21:23


O vereador Conte Lopes (PTB) foi à tribuna da Câmara Municipal de São Paulo nesta quarta-feira (3/4/2013) para criticar uma norma da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo que proíbe os policiais militares de levar vítimas de violência para hospitais.

A ordem é para que eles acionem serviços de emergência como o Samu para prestar atendimento aos feridos.

O procedimento foi instituído em janeiro deste ano por uma resolução da Secretaria cujo objetivo é a “preservação adequada do local em que tenha ocorrido morte ou lesão corporal, inclusive a decorrente de intervenção policial, para apuração efetiva do acontecido”.

Para Conte Lopes, a medida impede que o policial cumpra seu dever de preservar a vida, além de prejudicar as próprias vítimas de violência.

“Não é difícil que o Samu demore uma hora, uma hora e meia para chegar ao local”, afirmou o parlamentar, que pediu a revogação da norma.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da Câmara Municipal de São PauloFoto: RenattodSousa/CMSP