Crippa propõe inglês e espanhol nas escolas municipais de Catanduva (SP)

PTB Notícias 7/05/2013, 6:33


Para quem deseja construir uma carreira, é praticamente uma obrigatoriedade saber dois idiomas.

Afinal, as empresas estão em busca de profissionais versáteis e bem preparados.

Partindo dessa premissa, o vereador Marcos Crippa (PTB), presidente da Câmara de Catanduva (SP), propôs a inclusão de aulas de inglês e espanhol nas escolas municipais.

O inglês é considerado o idioma universal.

Mas por ser algo praticamente obrigatório, as empresas preferem os profissionais que também têm o domínio de outras línguas.

Neste contexto, o espanhol é hoje o segundo idioma mais desejável no meio corporativo.

“Em um mercado cada vez mais competitivo e globalizado, dominar um segundo idioma deixou de ser um diferencial para se transformar em uma condição de sobrevivência”, avalia Crippa.

Segundo ele, saber outros idiomas enriquece o cidadão, proporciona o conhecimento de novas culturas e pessoas e amplia seus horizontes.

Segundo pesquisa salarial da Catho, para um supervisor, por exemplo, a fluência em um segundo ou terceiro idioma pode aumentar em quase 70% o salário.

Em compensação, não saber falar inglês impossibilita qualquer crescimento profissional.

“Por isso a proposta de que a Secretaria Municipal de Educação inicie estudos no sentido de firmar parcerias com escolas particulares que desenvolvam programas de excelência para levar à rede municipal cursos qualificados de inglês e/ou espanhol”, explica Crippa.

Benefícios A proposta do vereador Marcos Crippa favorece, principalmente, os trabalhadores que exercem funções que exigem o emprego da língua inglesa no atendimento ao público, na prestação de serviços ou em eventos turísticos de repercussão internacional.

“O nosso município precisa se preparar para esta nova realidade, qualificando seus jovens para este mercado de trabalho cada vez mais competitivo ou mesmo para ingressar em uma universidade federal.

Na fase dos vestibulares, além de ser uma vantagem perante os demais concorrentes, é um fator importante que será analisado na prova”, completa.

* Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal da Câmara Municipal de Catanduva