Cristiane Brasil anuncia reformulação do Regimento do PTB Mulher

PTB Notícias 14/05/2009, 0:28


No dia da abolição da escravatura – 13 de maio – a Presidente Nacional do PTB Mulher, Cristiane Brasil, lançou um desafio a todas as representantes de diretórios estaduais que participaram em Brasília do Encontro Nacional do movimento feminino do PTB: reformular o Regimento Interno do PTB Mulher para que este órgão de assessoramento partidário se torne autônomo em relação ao Diretório Nacional.

De acordo com Cristiane Brasil, a intenção é promover a emancipação plena do PTB Mulher, para que a participação das mulheres nas atividades do partido não fique sujeita às mudanças eventuais de comando nos diretórios estaduais e municipais.

“Hoje é um dia auspicioso para o PTB Mulher.

Posso dizer até que é o dia da abolição da escravatura das mulheres em relação aos diretórios do partido.

O movimento feminino petebista jamais vai ser forte e representativo, jamais terá voz e peso dentro da estrutura partidária se continuar vinculado ao sabor de alterações nos diretórios.

Não queremos abrir uma crise com os presidentes de diretórios, até porque estamos desde já dando a eles a oportunidade de escolher as pessoas que irão participar da organização das comissões provisórias do PTB Mulher em todos os estados”, afirmou Cristiane Brasil.

De acordo com Cristiane, as mulheres merecem ocupar espaços de poder, mas para que isso aconteça, é preciso que haja uma preparação das pessoas para participarem das atividades político-partidárias.

A presidente do PTB Mulher defende que, passada a etapa de escolha das mulheres que comporão o movimento feminino do partido, é preciso investir no treinamento, em ensinar como funciona a estrutura interna de um partido, mostrar como funciona a lei dos partidos, ensinar o Estatuto, falar sobre formação do partido, apresentar o ideário petebista, entre outras atividades.

“As mulheres têm que entender a importância que tem o trabalho de cada uma, para construção de uma realidade diferente daquelas que estamos vivendo hoje.

Primeiro as pessoas foram escolhidas por uma questão de sorte e oportunidade.

Daqui pra frente é trabalho e realização, e isso vai depender da energia que emana de cada uma das mulheres petebistas.

O desafio está lançado”, disse a Presidente do PTB Mulher.

Durante o Encontro Nacional realizado na sede do Diretório Nacional do PTB, em Brasília, foi decidido que o diretório atual do PTB Mulher será dissolvido, e a partir do grupo que compareceu ao evento, serão realizadas convenções municipais e estaduais para definição dos novos diretórios do movimento de mulheres trabalhistas.

As representantes de 13 estados que estiveram presente no Encontro receberam a incumbência de estudar e propor alterações no Regimento Interno do PTB Mulher, que serão discutidas em novo encontro a ser realizado no prazo de um mês.

“O que estamos promovendo aqui é uma constituinte do PTB Mulher.

Vamos fazer a nossa nova constituição, baseada nos nossos valores, nas nossas crenças, na voz das mulheres, nos recursos da alma feminina.

E pra fazer as coisas acontecerem de verdade, precisamos reformular nosso Regimento e criar as condições para que até o final do mês de novembro já estejamos com todos os diretórios estaduais e municipais do PTB Mulher eleitos por todo o Brasil.

Vamos lutar pela nossa independência, para que nossa vitória seja grande e barulhenta, como só nós sabemos fazer”, afirmou Cristiane Brasil.

Presidente do PTB incentiva mudançasO Presidente Nacional do PTB, Roberto Jefferson, ao saudar as participantes do Encontro Nacional em Brasília, assumiu o compromisso de convocar a realização de uma Convenção Nacional do partido para referendar as mudanças regimentais que serão realizadas pelo PTB Mulher.

O Presidente do PTB afirmou que é preciso que se crie meios para o fortalecimento do movimento feminino, e que isso deve ser feito sem enfrentamentos ou provocando rachas nos diretórios estaduais e municipais.

“Podemos criar uma coisa nova dentro do PTB, algo que não existe em nenhum partido: um movimento feminino independente e forte, que transborde por todo o País e traga para o partido uma maior participação das mulheres nas decisões partidárias.

Escrevam o novo Regimento, e depois vamos eleger os diretórios municipais, os estaduais, tudo com habilidade e sem confrontação.

Elejam as mulheres, e vamos homologar o novo Regimento na Convenção Nacional.

É importante que se garanta à mulher petebista seu espaço próprio de ação e mobilização partidária”, disse o Presidente do PTB.

O Presidente do PTB afirmou que a idéia de tornar autônomo o movimento feminino é revolucionaria e está em consonância com o pensamento do Diretório Nacional do partido.

Segundo Roberto Jefferson, uma de suas principais metas neste seu novo mandato é a de estruturar definitivamente o PTB Mulher em todo o Brasil”Vocês mulheres precisam ter força e independência para poder influir, e isso só vai acontecer a partir do momento em que vocês tiverem a garantia da estruturação do movimento.

Esse é o momento de vocês, do crescimento de lideranças femininas.

Os homens não detém o monopólio da verdade.

O caminho para o PTB ser grande de novo está na maior participação decisória das mulheres.

Faço isso por acreditar na força da mulher brasileira e faço por pragmatismo.

Eu quero que o PTB seja forte e pujante, e isso só vai acontecer com a presença das mulheres.

Esse será o maior diferencial que teremos no quadro político-partidário do País”, finalizou Roberto Jefferson.

(?page=FotosPage&gal=139#) Clique aqui para ver mais imagens do Encontro do PTB MulherAgência Trabalhista de Notícias