Cristiane Brasil diz que PTB planeja ter candidato próprio em 2018

PTB Notícias 16/09/2015, 7:56


O Partido Trabalhista Brasileiro quer ter candidato próprio a presidente da República em 2018.

É o que disse a presidente nacional do PTB, deputada Cristiane Brasil (RJ), na segunda-feira (14/9/2015), em Londrina, em um encontro com os trabalhistas do Paraná.

O evento do PTB paranaense foi realizado no Salão Cristal do Chimarrão Grill e reuniu 243 lideranças do partido e autoridades regionais.

Cristiane foi ciceroneada pelo presidente estadual do PTB, deputado Alex Canziani, e pela presidente londrinense, Nádia Moura.

Em seu discurso, Cristiane Brasil disse que “o atual governo e este partido [o PT] acabaram”, e que um processo de cassação do mandato da presidente Dilma Rousseff pode ter início no próximo mês.

A petebista encabeça, junto com outras lideranças da Câmara dos Deputados, um movimento parlamentar pró-impeachment.

Sobre as próximas eleições, a presidente do PTB salientou que “a sociedade quer ser surpreendida positivamente” pelos candidatos e que “não adianta ficar contando história para o eleitor”.

A presidente nacional reafirmou, na ocasião, que o partido vai colaborar com seus candidatos nas eleições do próximo ano.

“Vamos começar uma rodada de planejamento estratégico para, lá na frente, poder ajudar os nossos candidatos.

“Cristiane Brasil disse ainda que o PTB vai disponibilizar um sistema para cruzamento de banco de dados com o intuito de auxiliar os petebistas em suas campanhas, focando o perfil do eleitor de cada localidade e também destacou o sistema “Via 14”, um conjunto de ferramentas que oferece as melhores condições e barateia custos para quem quiser concorrer pelo PTB nas eleições de 2016.

O Via 14 inclui imagens, textos, vídeos e fotos que estarão disponíveis aos candidatos para reduzir os custos das produções das propagandas de rádio e TV.

Crise políticaAlém de indicar alguns caminhos do partido para os seus filiados, a presidente do PTB reforçou a ligação histórica da sigla com o trabalhismo, destacando “a defesa intransigente do trabalho e do trabalhador mas sem se esquecer do empresário, que tem que pagar menos impostos do que paga hoje”.

E voltou a criticar o governo federal: “Gente que não confia em ninguém não merece confiança”, manifestou Cristiane Brasil, referindo-se ao comportamento de integrantes do PT na relação com o PTB, que recentemente deixou a base de sustentação partidária do Palácio do Planalto.

“Não queremos ser um pêndulo que vai para um lado e para o outro, queremos ser de centro.

“Consórcio (/_tinyimg/AlexCanziani-Evento-PTBPR-Divulgacao.

jpg” target=”_blank) Ao agradecer a presença de Cristiane Brasil e a de todos os convidados no evento, Alex Canziani destacou a importância fundamental de apoiar a educação, sua bandeira no Congresso Nacional.

O presidente do PTB paranaense também discorreu sobre o sucesso da formação de um consórcio de municípios, na região de Astorga, Norte do Estado, que está possibilitando o recapeamento asfáltico das malhas viárias urbanas.

Idealizado por Canziani, a integração intermunicipal já congrega 31 municípios, “e a meta é chegar nos 50”, destacou ele para os convidados e para a presidente nacional do PTB.

O consórcio, que leva o nome de Consórcio Público Intermunicipal de Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano da Região de Astorga (Cindast), começou a operar no final do ano passado e, por meio da aquisição de uma usina móvel de micropavimento, pode realizar até 18 mil metros quadrados de recapeamento asfáltico por vez, na forma de rodízio entre os municípios que cotizam os custos.

A máquina pode executar 4 mil metros lineares por dia.

O consórcio é presidido pelo prefeito de Astorga, Arquimedes “Bega” Ziroldo (PTB).

“Este consórcio vai ser um “case” nacional, e a proposta será espalhada pelo país”, disse Canziani.

(/_tinyimg/Evento-PTBLondrinaPR-Divulgacao.

jpg” target=”_blank) Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da assessoria do deputado Alex Canziani (PTB-PR)Fotos: Divulgação/Assessoria