Cristiane Brasil fala em entrevista sobre Secretaria que irá assumir

PTB Notícias 13/12/2008, 13:08


A vereadora petebista Cristiane Brasil assumirá, a partir do dia 1º de janeiro de 2009, a Secretaria de Envelhecimento Saudável e Qualidade de Vida da Prefeitura do Rio de Janeiro, na administração do prefeito Eduardo Paes.

Em entrevista para o Portal do PTB, Cristiane Brasil fala sobre suas metas e projetos para a Secretaria, de sua experiência à frente da Comissão do Idoso da Câmara de Vereadores, assim como do desafio de mudar a mentalidade da população em relação ao respeito ao idoso e conscientização sobre normas e hábitos que agreguem maior qualidade de vida ao carioca.

Leia abaixo entrevista com a futura Secretária de Envelhecimento Saudável e Qualidade de Vida da Prefeitura do Rio de Janeiro:Portal do PTB – Como e quando surgiu o convite para assumir a Secretaria?Cristiane Brasil – O convite para assumir a Secretaria foi feito há aproximadamente um mês.

E o importante a se salientar é que o PTB do Rio de Janeiro em nenhum momento forçou a barra junto ao prefeito eleito para que tivesse cargos na nova administração.

Nós apoiamos o nome de Eduardo Paes desde o momento em que a candidatura foi lançada, e não impomos qualquer condição para este apoio.

Nós estamos construindo esta relação há muito tempo, uma parceria fecunda e que culminou com este convite para assumir a Secretaria de Envelhecimento e Qualidade de Vida.

Portal do PTB – Quais são as metas que você e sua equipe estão traçando de imediato?Cristiane Brasil – Nosso projeto, de imediato, é realizar um amplo estudo que nos permita possuir um referencial de dados que identifique com precisão o perfil do público-alvo de nossa Secretaria.

Além disso, a nossa grande missão será agregar qualidade de vida ao envelhecimento.

E por que isso? Há dez dias, o IBGE divulgou um estudo sobre o perfil populacional do brasileiro, e revelou que em 30 anos o número de idosos já ultrapassará a quantidade de crianças.

Ou seja, vai sobrar escola e vão faltar instituições de longa permanência.

Em vista dessa situação, nosso trabalho vai ser planejar e antecipar, na cidade do Rio de Janeiro, os efeitos desse envelhecimento populacional.

E especificamente aqui na capital este envelhecimento é acelerado, não só pelo decurso do tempo para os longevos, como também pela migração de idosos de outros municípios, que buscam atendimento médico na rede hospitalar carioca.

Este será um outro desafio da gestão Eduardo Paes, conseguir desafogar o sistema de saúde municipal como também o sistema de assistência social.

Portal do PTB – Como a sua experiência à frente da Comissão do Idoso da Câmara de Vereadores vai lhe ajudar na Secretaria?Cristiane Brasil – Baseados na experiência da Comissão, principalmente com o histórico de atendimento de denúncias, vamos criar um projeto na Secretaria chamado “SOS Vovô”, que prevê a unificação de todas as entidades, instituições e órgãos públicos envolvidos na proteção ao idoso.

Na prática, significa a efetiva criação de uma rede de proteção eficiente e eficaz para os idosos cariocas.

Temos o ambicioso objetivo de tornar essa rede modelo para o resto do país.

Outra idéia que tivemos na elaboração de nosso plano de metas, e que surgiu justamente da atuação que tivemos à frente da Comissão do Idoso, é instituir o programa “Do Leme ao Pontal”, que será um grandioso projeto para agregar maior qualidade de vida aos freqüentadores das praias do Rio.

Estamos projetando a criação de postos de atendimento com profissionais de educação física, técnicos de enfermagem, nutricionistas, fazer parcerias com universidades, enfim, vamos realizar um trabalho voltado ao cidadão que pratica exercícios ao ar livre.

Queremos inclusive organizar um estudo sobre o perfil deste carioca, e uma vez cadastrado em nosso projeto, o cidadão receberá semanalmente um programa de exercício semanal específico para atender suas necessidades.

Desta maneira, criaremos indicadores de melhoria de qualidade de vida para a cidade do Rio de Janeiro, baseados em protocolos internacionais.

Portal do PTB – Qual a sua avaliação da situação do idoso hoje na cidade do Rio de Janeiro?Cristiane Brasil – O Rio de Janeiro é hoje uma cidade árida para o idoso, inóspita até.

Os equipamentos públicos, urbanos, não são adaptados à sua condição.

Um exemplo é a insistência na utilização das pedras portuguesas, grande causadora de acidentes ortopédicos, deformações e dependência permanente.

Também o transporte coletivo não respeita o direito dos idosos, haja vista o grande número de acidentes em ônibus, principalmente na hora de subida e descida dos coletivos.

Outro problema, também grave, é a violência domiciliar contra o idoso, praticada pelos próprios parentes, e amplamente divulgada na mídia nacional.

Portal do PTB – O que a Secretaria pode fazer para melhorar esta situação?Cristiane Brasil – Temos a meta na nossa gestão de realizar diversas campanhas de conscientização junto à população.

Também estamos projetando uma atuação decisiva na prevenção de problemas e na geração de hábitos saudáveis.

Isso está na missão da Secretaria: fomentar a geração de hábitos saudáveis entre os cariocas.

É ponto fundamental.

Vamos atuar ainda para combater a obesidade infantil junto às escolas, vamos realizar pesquisas nesse sentido, estabelecer parcerias com outras secretarias, trabalhar o conceito de transversalidade.

Enfim, nossa Secretaria pretende atuar em várias frentes, não só para os idosos, mas também para jovens e adultos, pois nenhuma sociedade que almeja a justiça social pode prescindir do vigor de sua juventude nem tampouco negligenciar a experiência daqueles que ainda têm muito a colaborar para a melhoria da qualidade de vida de todos.

Portal do PTB – E em relação à sua equipe na Secretaria? Você já está escolhendo seu time?Cristiane Brasil – A nossa Secretaria, desde já, neste período de transição, está implantando uma política de pessoal baseada no modelo aplicado pelo novo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama.

O que isto significa: todos os indicados a trabalhar na Secretaria passarão por uma rigorosa seleção de currículos e, posteriormente, uma análise interna feita por uma comissão de ética, que será criada com a finalidade de descobrir qualquer tipo de problemas cíveis ou criminais passados, que possam causar embaraços ao governo municipal.

Portal do PTB – Qual você acha que será o grande desafio de sua gestão?Cristiane Brasil – Nossa secretaria tem um grande desafio que é ao mesmo tempo uma grande oportunidade: criar uma secretaria em tempos de crise mundial e contenção de despesas.

Dada a importância do tema e a grande oportunidade de se criar algo novo, sem grandes heranças da administração que se encerra, creio que a crise é realmente uma grande chance de decolarmos.

É durante as grandes crises que se têm as grandes mudanças e as grandes vitórias.

Principalmente para aqueles que estão no lugar certo, na hora certa.

É nisso que eu acredito.

Agência Trabalhista de Notícias