Cristiane Brasil quer debater proibição de venda de energético a menores

PTB Notícias 24/11/2015, 17:52


A pedido da presidente nacional do PTB, deputada Cristiane Brasil (RJ), a Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados vai realizar audiência pública sobre o projeto que proíbe a venda das chamadas bebidas energéticas aos menores de 18 anos (PL 455/15).

A parlamentar destaca que os energéticos são considerados uma fonte adicional de energia para atividades diárias, desde práticas esportivas até um suplemento para auxiliar em rotinas noturnas, como é o caso de vigias e aqueles que se submetem a horas extras de estudo.

Cristiane Brasil também ressalta que os efeitos colaterais do uso continuado da bebida energética são conhecidos e constam das advertências nas embalagens.

“Por isso, a proibição aos menores de 18 anos deve ser avaliada, pois o uso esporádico e moderado não possui qualquer registro científico de que possa causar danos à saúde”, afirmou.

A deputada também citou dados da Associação Brasileira das Indústrias de Refrigerantes e Bebidas Não Alcoólicas (Abir) segundo os quais, entre 2006 e 2010, o consumo das bebidas energéticas aumentou em 325%.

“Em meio a tantos debates sobre os possíveis malefícios da bebida energética, é preciso avaliar a opinião dos especialistas na área da saúde, atividade física, e também no impacto que tal proibição pode causar na economia, principalmente no comércio, que terá a obrigação de controlar mais uma proibição de venda”, declarou Cristiane Brasil.

Serão convidados para o debate representantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), da Abir, da Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação, e da Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte.

A data da audiência ainda não foi definida.

Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da assessoria da Liderança do PTB na Câmara dos DeputadosFoto: Neto Sousa