Cuiabá: Alencar propõe audiência para discutir retomada das obras da Copa

PTB Notícias 16/06/2015, 7:40


Os vereadores de Cuiabá (MT) aprovaram, na sessão legislativa de quinta-feira (11/6/2015), requerimento de autoria do vereador Dilemário Alencar (PTB) que autoriza a Câmara Municipal a realizar uma audiência pública com o objetivo de discutir a situação em que se encontram as obras da Copa de 2014 que não foram concluídas, bem como as que se encontram paralisadas, a exemplo do complexo de obras do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

A audiência está prevista para acontecer no dia 1º de julho.

“Após um ano da realização da Copa, apenas três das 33 obras previstas para o Mundial foram entregues totalmente prontas pelas empreiteiras.

Vamos mobilizar a população cuiabana, líderes de segmentos organizados e autoridades constituídas para reivindicar do governo do Estado que o cronograma previsto para a retomada das construções seja executado o mais urgente possível.

Queremos acompanhar o reinício das obras, pois a maioria delas está em ruas, avenidas e bairros de Cuiabá e sua conclusão, com rapidez e qualidade é muito importante para a nossa cidade”, disse Dilemário.

Ao justificar a realização da audiência, o petebista frisou que o evento servirá para os técnicos do governo fazerem um raio-x das dezenas de obras inacabadas e paralisadas, explicar o calendário de execução de entrega para a população, bem como prestar contas do valor dos custos que o Estado terá com financiamentos contraídos em bancos públicos para a construção do conjunto das obras para a realização da Copa de 2014.

Dilemário citou como exemplo de obras inconclusas e paralisadas o VLT, as trincheiras do Santa Rosa e Santa Isabel, o Complexo Viário do Tijucal, avenida Arquimedes Pereira Lima, avenida Parque do Barbado, Córrego 8 de Abril, Centro de Treinamento (COT UFMT), duplicação do trecho da rodovia Emanuel Pinheiro (trevo do Atacadão à rotatória da Escola Fundação Bradesco), duplicação da rodovia Cuiabá-Santo Antônio do Leverger, revitalização do Balneário Salgadeira e o Aeroporto Marechal Rondon, que embora esteja localizado em Várzea Grande, é de grande importância para Cuiabá.

“O cidadão cuiabano suportou por anos sem reclamar dos incômodos de toda ordem, tais como trânsito congestionado, inúmeros desvios, barulho e poeira, com a perspectiva de que a cidade estava em construção e isso significava sinal de melhoria para todos.

É evidente que é um grande desafio para o atual governador honrar a palavra empenhada durante a campanha eleitoral de que priorizaria a conclusão destas importantes obras diante do caos deixado pela gestão anterior.

Entretanto, confiamos na capacidade de gestão do governador Pedro Taques”, pontuou Dilemário.

Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações da Câmara Municipal de CuiabáFoto: Luiz Alves/Secom CâmaraCbá