Deputado Alex Canziani comemora fim da multa do Banestado

PTB Notícias 3/05/2010, 16:20


Todos os congressistas do Estado comemoraram, nesta última quarta-feira (28/04), a aprovação pelo Senado do projeto de resolução PRS 24/08, do senador Osmar Dias (PDT-PR), que extingue as multas que a Secretaria do Tesouro Nacional vinha aplicando ao governo paranaense desde 2006, por inadimplência decorrente de ação judicial ligada ao processo de privatização do Banco do Estado do Paraná (Banestado).

Quem também comemorou foi o coordenador da bancada paranaense no Congresso Nacional, deputado federal Alex Canziani, do PTB do Paraná.

Segundo ele, a multa eliminada alcança R$ 6 milhões por mês.

“As punições já aplicadas, de aproximadamente R$ 260 milhões, serão abatidas na dívida do Paraná junto à União.

Com isso o governo do Paraná se tornará adimplente, podendo tomar novos empréstimos em organismos internacionais ou mesmo no país, para investimentos”, disse.

O deputado petebista lembra ainda que a mudança no final evitará que o Paraná pague cerca de R$ 1 bilhão de dívidas no longo prazo.

Alex Canziani ressalta que a aprovação da resolução foi o resultado do trabalho dos deputados e senadores e do governador do Paraná, Orlando Pessuti, com o Ministério da Fazenda, que, nos últimos dias, sinalizou que concordava com a solução.

As multas extintas estão relacionadas a uma ação do Itaú (comprador do Banestado) contra o governo do Paraná, que vem se recusando a pagar por alguns títulos de dívidas que estão nos cofres do Banestado.

No ano 2000, o governo paranaense havia assumido o pagamento de todas as dívidas do Banestado, evitando que ele sofresse intervenção do Banco Central, pois se encontrava em situação pré-falimentar.

Agência Trabalhista de Notícias com informações do site oficial do deputado federal Alex Canziani