Deputado Armando Abílio responde acusações feitas por Rômulo Gouveia

PTB Notícias 24/02/2010, 6:58


O deputado federal Armando Abílio, presidente do Diretório Estadual do PTB na Paraíba, resolveu na manhã desta terça-feira (23/02) abrir o verbo para responder as acusações feitas pelo deputado Rômulo Gouveia (PSDB) que o acusou de ter rompido com o prefeito de João Pessoa e pré-candidato ao Governo do Estado, Ricardo Coutinho (PSB), por não saber dividir.

De acordo com Armando Abílio, o ex-candidato derrotado à Prefeitura de Campina Grande não tem credibilidade para cobrar coerência de ninguém.

“O deputado Rômulo Gouveia esqueceu e abandonou o companheiro do partido Cícero Lucena, candidato ao governo do estado, que participou tenazmente da campanha municipal de Campina Grande”, recorda em nota à imprensa e assinada por Armando Abílio.

Leia na íntegra a nota do presidente do PTB paraibano: “Recebi com surpresa e indignação o depoimento feito pelo deputado Rômulo Gouveia.

Como direito de resposta eu queria dizer ao ilustre deputado que o PTB quem cuida são os petebistas e que ele vá cuidar do seu partido ( PSDB), que se encontra em uma crise muito grande às vésperas de uma implosão.

Posso fazer algumas considerações: 1- Quando defendíamos uma tese apresentando Ricardo Coutinho como candidato a Governador, o deputado Rômulo foi um dos vários que me chamaram de “Mãe Diná”, de irresponsável, maluco e afirmava que a vitória do prefeito de João Pessoa era ganhar e não levar.

2- Estou exercendo o sexto mandato (4 federais, 01 estadual e um de vice-prefeito).

Nunca fiz campanha em cima de empreguismo (não sei se este é o caso dele).

3- Na aprovação do OGU/2010, em razão do meu compromisso com esta causa, aprovei a minha emenda de bancada para o município de João Pessoa.

4- Na reunião da Bancada Paraibana em Brasília, foi levantada a questão do afunilamento que existe em Cruz das Armas, consequência da duplicação da BR 101.

O deputado não participou deste debate.

Ao lado do deputado Luiz Couto, conseguimos aprovar recursos para a solução daquele desafio.

5- “Pular de cerca” – se pensa em sair candidato a vice-governador ele está esquecendo que o PSDB da Paraíba tem um candidato próprio.

Quem “pulou de cerca”? 6- O deputado Rômulo Gouveia esqueceu e abandonou o companheiro do partido Cícero Lucena, candidato ao governo do estado, que participou tenazmente da campanha municipal de Campina Grande.

O PTB, como criador desta tese, apenas queria participar da construção de um projeto para a Paraíba.

Apresentamos a sugestão de um dos seus valorosos quadros (Carlos Dunga) para participar da chapa majoritária.

Isto é incoerência?Armando Abílio” * Agência Trabalhista de Notícias com informações do Portal Click PB