Deputado Campos Machado concede entrevista exclusiva para o Portal do PTB

PTB Notícias 4/07/2007, 11:25


O presidente estadual do PTB paulista e secretário-geral da Executiva Nacional do Partido, deputado estadual Campos Machado, concedeu uma entrevista exclusiva para a edição comemorativa do primeiro ano do Portal do PTB.

Na pauta, PTB Ambiental, eleições 2008 e os recentes escândalos ocorridos na política brasileira.

Confira abaixo o texto na íntegra.

Portal do PTB – Qual a importância do PTB Ambiental na atual conjuntura política e econômica do Brasil?Campos Machado – O PTB Ambiental vem em boa hora, posto que há uma falta de políticas públicas e de uma sistematização de nossos marcos legais para enfrentar os grandes desafios relacionados ao desenvolvimento econômico e ao combate e degradação ambiental; também representa um resgate da história do PTB, na implementação das primeiras e principais ações governamentais em defesa do meio ambiente no Brasil, tais como o código de águas em 1931 e a introdução do álcool na gasolina.

Portal do PTB – Como o senhor avalia o impacto do lançamento do PTB Ambiental e sua repercussão na mídia?Campos Machado – Positivamente, pois jornais e sites especializados do Brasil noticiaram o lançamento e isso demonstra que podemos muito bem preencher a lacuna na política brasileira.

Portal do PTB – Quais os planos do PTB de São Paulo para o segundo semestre de 2007? E quais os objetivos, a curto e a longo prazo?Campos Machado – O PTB de São Paulo, no segundo semestre, pretende implantar o “PTB Sindical”, o “PTB dos Aposentados”, o “PTB Afro-Descendente”, o “PTB Jovem”, o “PTB Mulher” e o “PTB Inter-Religioso”, acreditando na necessidade de aproximar o Partido da Sociedade, em todos os seus segmentos.

Ao mesmo tempo, estaremos realizando encontros em cerca de 25 regiões do Estado, com a Campanha de Filiação Partidária, através da qual buscaremos trazer, até 31 de dezembro de 2007, 300 mil novos filiados ao Partido, o que nos dará a liderança absoluta entre os maiores do Estado.

Portal do PTB – O PTB terá candidato próprio à Prefeitura de São Paulo? E em outras cidades paulistas?Campos Machado – Posso assegurar que o PTB entrará na chapa majoritária na Capital em 2008, preferencialmente na cabeça, que é o grande sonho dos petebistas, não só de São Paulo, como de todo o Interior.

Em relação às demais cidades do Estado, pela vez primeira está sendo feito um trabalho para lançar candidaturas próprias, ou nomes para compor chapas majoritárias, em mais de 350 municípios.

Para preparar os nossos candidatos, serão realizados, nos meses de julho, agosto e setembro, na sede do Partido, cursos de “Marketing Político”, “Oratória” e de “Orientação Política”.

Portal do PTB – Qual a sua avaliação dos recentes escândalos acontecidos no cenário político nacional?Campos Machado – O Brasil assiste, de maneira atônita, uma vez mais, escândalos que denigrem a imagem da classe política, numa demonstração de que a impunidade não é mais exceção, mas sim a regra do País.

Sem o intuito de elogiar o nosso presidente Roberto Jefferson, já que são fortes os laços de lealdade e de amor ao PTB que nos unem, é de se lamentar que a cassação do seu mandato, fruto da sua coragem em derrubar a floresta de corrupção que existia e continua existindo no País, não está servindo de exemplo para alguns que dizem defender a depuração do meio político.

Portal do PTB – Mande uma mensagem para os leitores do Portal do PTB:Campos Machado – Não só como Presidente da Executiva do PTB de São Paulo, mas também como Secretário Geral da nossa agremiação, gostaria de dizer aos leitores deste Portal, de que não podemos, jamais, nos esquecer de três palavras que devem balizar as nossas vidas.

A primeira é a palavra AMOR.

Amor não é o que existe apenas entre seres humanos.

Há o amor às aves, às arvores, às estrelas, ao sol, à lua.

É o traço universal que une os corações dos homens e que faz as nossas almas baterem no mesmo compasso.

A segunda é palavra FÉ.

Há que se ter fé, fé no parlamento, fé na justiça, fé na escola, fé na polícia, fé na igreja.

Pois, se é verdade que a fé nos leva à crença, também é verdade que a crença nos remete a Deus.

A terceira palavra é ESPERANÇA.

É preciso ter sempre esperança nos nossos corações, esperança de que acabe a discriminação, quer racial, quer a pela idade, esperança de que, algum dia, todos possam sentir a força da igualdade, a esperança de que nossos filhos vão viver num País onde existe paz e tranqüilidade.

E, amigos e amigas, com AMOR, FÉ e ESPERANÇA, poderemos construir, não apenas o PTB dos nossos sonhos, mas um mundo melhor para todos.

Agência Trabalhista de Notícias