Deputado Coronel Queiroz vê excelência em projeto sobre órgãos penais

PTB Notícias 6/09/2009, 7:55


Presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Goiás, o deputado Coronel Queiroz (PTB) considerou “de excelência, muito bom”, o projeto de lei de autoria do deputado Sandro Mabel (PR) que autoriza a terceirização de serviços nos estabelecimentos penais, incluindo os que se destinam à custodia de menores infratores.

“No Brasil, tudo que é terceirizado funciona melhor”, sintetizou o parlamentar trabalhista, que já foi comandante-geral da Polícia Militar de Goiás.

Coronel Queiroz argumentou que já têm algumas penitenciárias no Brasil, aos exemplos das do Paraná e Rio Grande do Sul, que foram terceirizadas e que funcionam muito bem.

“Aquele pessoal que vai ficar sob custódia de uma empresa terceirizada e sob a fiscalização do Estado, com certeza, vai ter um atendimento digno, porque as empresas querem receber o dinheiro pelo trabalho prestado, e têm que fazer correto, até porque todo mundo está de olho.

Então o projeto do Mabel é bom e ele está de parabéns”, colocou.

Queiroz está convicto de que o Congresso Nacional vai aprovar a proposta do parlamentar goiano, porque, assim, estará ajudando a corrigir um erro do País, que não vem oferecendo uma educação adequada ao seu povo.

“Não quero criticar o atual governo, porque a falta de investimento na educação é uma seqüência de erros, por isso chegamos onde estamos, mas agora está se corrigindo isso.

E o projeto do Mabel é oportuno, porque é um acerto nesse sentido, por isso tenho plena convicção de que será aprovado e colocado em prática”, enfatizou o deputado do PTB.

* Agência Trabalhista de Notícias com informações da Assembleia Legislativa de Goiás