Deputado Cristiano Araújo promove debate para o combate ao bullying

PTB Notícias 12/05/2011, 13:53


O Sistema Público de Educação do DF não possui material didático para a prevenção e o combate ao bullying nas instituições de ensino.

A incipiência em relação a este grave problema se estende desde as escolas públicas até as particulares.

As constatações são do deputado Cristiano Araújo (PTB -DF) que vem mantendo inúmeras rodadas de conversas com técnicos e especialistas em educação no DF.

Segundo ele, os livros fornecidos aos estudantes não tratam do bullying e as poucas iniciativas perpetuadas pelos próprios integrantes das escolas, restringem-se a iniciativas pontuais, como palestras, peças teatrais, vídeos estrangeiros e debates sobre materiais divulgados na mídia, sem uma abordagem específica ao tema.

De acordo com a responsável pela Diretoria de Cidadania, Direitos Humanos e Diversidade da Secretaria de Educação do DF, Adriana Costa de Miranda, as ações são coordenadas em conjunto com as Diretorias Regionais de Ensino, que desenvolvem alguns projetos em suas áreas.

“Há um encontro mensal com os coordenadores de direitos humanos, onde discutimos o enfrentamento à violência nas escolas num âmbito geral e propomos projetos integrados às disciplinas para informar os alunos”, explicou a diretora.

Ainda segundo Adriana, parcerias realizadas entre a secretaria de educação e órgãos ligados à proteção da criança e do adolescente, poderão propor uma formação continuada dos profissionais como forma de estratégia para combater os diversos tipos de violência nas escolas.

A intenção de Cristiano ao fomentar o debate sobre o bullying é avaliar como o tema tem sido tratado nas escolas para que uma política de enfrentamento a esse tipo de violência seja implantada de forma ampla em todas as unidades de ensino.

“Queremos impedir o avanço dessa mal no DF”, completou.

Na próxima terça (17), o parlamentar realizará uma Audiência Pública para discutir o Projeto de Lei 156/2011, de sua iniciativa, que cria a “Política de Combate ao bullying nas Escolas Públicas e Privadas do DF”.

Além de priorizar o tema, suas formas de propagações e conseqüências, a casa também analisará o que precisa ser feito por parte das lideranças para que esse tipo de violência seja combatida.

Para o debate foram convidados especialistas na área de Educação; Proteção à Criança e ao Adolescente; das secretarias de Educação e Segurança Pública, Ong”s e outros representantes do GDF e de setores organizados da sociedade.

Material na internet – Paralelamente à audiência, o deputado lançará a campanha “Bullying, aqui não!!”, com materiais informativos para distribuição às famílias, para combater esse tipo de violência nas escolas.

O objetivo da mobilização é mostrar à sociedade que o bullying é um problema de todos e que deve ser evitado para que não hajam casos de violência extrema como a recente tragédia ocorrida no Rio de Janeiro, que ficou conhecida como “Massacre do Realengo”.

Serviço AUDIÊNCIA PÚBLICA – BULLYING (PL 156/2011)DIA 17 DE MAIO DE 2011HORÁRIO: 10hLOCAL: PLENÁRIO DA CLDF