Deputado Federal Pedro Fernandes comenta prisões da Operação Navalha

PTB Notícias 22/05/2007, 12:14


O deputado federal Pedro Fernandes (PTB/MA) afirmou que a biografia do governado Jackson Lago faz com que ele ainda não acredite na participação do pedetista no caso de corrupção com a empresa baiana Gautama, revelado pela Operação Navalha, da Polícia Federal.

“Sou adversário político do Jackson Lago agora, mas já trabalhei com ele como auxiliar.

Às vezes, há más companhias, muitas pessoas usam nome de autoridade maior pra proveito próprio.

Não sei se essas pessoas podem ter usado o nome do governador, é provável.

Tenho o Jackson Lago como um homem sério.

Em compensação, lemos muita coisa na imprensa sobre comportamento de Zé Reinaldo, por isso, talvez não seja surpresa para a população esse ato.

Mas sobre Jackson é surpresa”, afirmou o petebista, em entrevista à Rádio Mirante AM.

Pedro Fernandes se mostrou ainda satisfeito com a atuação da Polícia Federal no Maranhão.

O deputado disse que as pessoas cobravam uma ação da PF no Estado.

“A ação de ontem nos provoca duas emoções: uma de tristeza, por estarmos nos jornais por coisa feia; e outra por sabermos que as coisas estão sendo apuradas no país.

Agora estamos tomando conhecimento das coisas.

Muitas pessoas me perguntavam por onde passava por que a Polícia Federal nunca chega aqui.

Agora chegou! Mas fiquei em perplexidade como todos os maranhenses”, afirmou.

O parlamentar comentou ainda as declarações de políticos ligados ao governador Jackson Lago e ao ex-governador José Reinaldo Tavares que a operação da PF não passaria de uma ação para denegrir a imagens dos dois.

Para o parlamentar, somente uma “armação” de políticos maranhense não teria força para mobilizar uma operação em vários Estados do Brasil.

“Acho que não podemos desqualificar as ações da Polícia Federal, até por que não se deu somente no Maranhão, foi realizada em outros estados.

Foi uma operação envolvendo uma grande construtora do Brasil.

Seria muito difícil fazer armação para o Maranhão colocando outros estados.

As acusações são graves e as pessoas envolvidas precisam provar que não são culpadas”, comentou o deputado.

Pedro Fernandes lembrou ainda toda bancada maranhense se comprometeu, na última quarta-feira, com o governador em votar emendas para trazer recursos para o Maranhão.

Para o parlamentar, as acusações de que os adversários políticos do governador seriam os armadores da operação não faz sentido, uma vez que todos estavam esboçando uma união em prol do Estado.

“Na quarta-feira passada, a banca do Maranhão deu apoio ao governador Jackson Lago.

Nos comprometemos em apresentar emendas para trazer recursos para o Maranhão.

Todo o trabalho estava sendo feito para governo do Maranhão dá certo”, concluiu.

Agência Trabalhista de Notícias (com informações do Imirante)