Deputado Walney Rocha acredita que 2012 será o ‘ano das grandes reformas’

PTB Notícias 2/02/2012, 18:53


O deputado federal Walney Rocha, do PTB do Rio de Janeiro, acredita que 2012 será “o ano das grandes reformas”, como a política e a tributária.

Ele diz que a Câmara terá que abrir discussões para essas pautas importantes, como observou o parlamentar, porque “nós precisamos modernizar essa situação do país”.

“E eu acredito que a reforma política, no modo geral, ela ampla, é uma discussão muito longa, mas que vai dar um grande resultado para gente.

E hoje, por exemplo, que existe posições da sociedade que já não abrem mais mão (desses assuntos), como a questão da Ficha Limpa, como também é a reforma política”, afirmou.

O deputado comentou também sobre outros temas polêmicos, como o financiamento público de campanha e lista fechada.

Ele disse que tem algumas preocupações.

Na lista fechada, por exemplo, Walney Rocha acredita que esse sistema é ruim, porque “volta um pouco a ditadura, acaba engessando a clareza do processo eleitoral”.

“Quando você fecha, quando você não permite uma participação transparente, as coisas podem não sair da maneira que espera, hoje, o povo brasileiro”, justificou.

O financiamento público é outro item que preocupa Rocha.

Ele argumenta que outros setores têm prioridade no país, entre eles a saúde.

O deputado sugere que seja feito um PAC nessa área, “da mesma forma que foi feito para a Habitação e o Saneamento Básico”.

“A população não vai entender e não vai encarar da maneira que nós esperamos a questão do financiamento público.

Eu acho que hoje o país não está preparado para isso, porque carências em outros setores precisam de investimento e de investimento alto”, afirmou Walney Rocha.

Nova IguaçuO parlamentar petebista sairá candidato à Prefeitura de Nova Iguaçu (RJ) nas eleições de 2012.

Segundo ele, “a nossa candidatura é justamente para dar à sociedade mais uma opção de escolha para o seu Executivo na cidade”.

“A prefeita, que eu tenho um carinho especial, não está conseguindo atender os anseios da população.

A gente sente que a cidade está abandonada, sente que os programas que foram deixados não têm tido uma sequência constante das ações do governo”, comenta Walney Rocha.

O deputado federal diz ter grandes desafios para Nova Iguaçu.

O primeiro listado por ele é trazer a Prefeitura para uma discussão junto à população, porque, de acordo com a avaliação dele, hoje há uma distância da população do poder central da cidade.

Walney Rocha corrobora dizendo que não tem mais essa relação.

“E o nosso projeto é ordenar a cidade, que perdeu o comando.

Hoje, prefeito de uma cidade precisa ter uma relação com o governo do Estado e o federal.

Ele tem que ter deputados estaduais, federais, que tenha essa afinidade para ajudar o município.

Não dá para o município viver hoje sem essa relação.

E por isso que eu acredito que sendo eleito, vou fazer um grande trabalho”, acrescentou Walney Rocha.

O petebista de 52 anos acumula ainda no currículo político quatro mandatos de deputado estadual e dois de vereador.

“Acredito que isso nos deu muita experiência para botar a favor do município de Nova Iguaçu”, conclui Rocha.

Agência Trabalhista de Notícias, por Felipe MenezesFoto: Luiz Alves/Agência Câmara de Notícias