Desigualdade regional atrapalha desenvolvimento do país, alerta Mozarildo

PTB Notícias 23/04/2007, 19:05


Em discurso no Plenário nesta segunda-feira (23), o senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR) cobrou do governo federal mais investimentos nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, para que a desigualdade regional seja diminuída.

Essas três regiões, acrescentou Mozarildo, são as que menos recursos recebem do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Mozarildo disse que, nos últimos anos, 80% dos recursos do BNDES foram destinados para as regiões Sul e Sudeste.

– Isso é um despautério! Como podemos admitir que um banco controlado pelo governo federal contribua para o aprofundamento das desigualdades regionais? – reclamou Mozarildo.

O senador petebista disse que a desigualdade entre as regiões brasileiras ainda é muito grande, o que atrapalha o desenvolvimento da nação brasileira.

Para ele, o Brasil só será uma nação justa quando as regiões menos desenvolvidas do país tiverem a devida atenção por parte do governo federal.

– Não vai bem uma nação na qual uma pequena parcela do seu povo nada em abundância, enquanto milhões sofrem os suplícios da mais profunda penúria.

A instabilidade e as turbulências farão parte fatalmente do seu cotidiano – alertou.

O representante do PTB de Roraimaa cobrou do governo federal a proteção do “patrimônio nacional contido na Amazônia” por meio de vigilância das fronteiras, controle das organizações internacionais que atuam na floresta e “presença atuante do Estado brasileiro”.

– Tem faltado uma mínima disposição do governo federal em fomentar o desenvolvimento dessa região que é hoje tão cobiçada internacionalmente – opinou o senador petebista.

fonte: Agência Senado