Dilma Rousseff anuncia liberação de recursos do PAC 2 para Teresina

PTB Notícias 24/04/2012, 17:29


A presidenta Dilma Rousseff anunciou hoje, 24/04/2012, em Brasília, a liberação de mais recursos do liberação do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para Teresina.

A solenidade contou com a presença do prefeito Elmano Férrer (PTB) que teve os projetos do eixo Mobilidade Urbana elogiados pela presidenta.

O PAC 2 contempla Teresina com mais de R$ 104 milhões em obras de mobilidade urbana.

Dilma Rousseff parabenizou o prefeito Elmano Férrer pela qualidade dos projetos dos projetos apresentados por Teresina para o PAC 2.

Ela afirmou que os projetos protocolados pelo prefeito Elmano Férrer para o eixo de Mobilidade Urbana têm grande importância porque preparam a cidade de Teresina o grande salto de desenvolvimento que todo o Brasil está alcançando.

O Elmano Férrer explicou que Teresina já aguardava a liberação dos recursos para as obras do PAC 2.

“São obras estratégicas que tornarão mais ágil o nosso trânsito em nossa cidade e que porcionarão melhor qualidade de vida para as pessoas”, frisa Elmano.

O eixo Mobilidade das Grandes Cidades é destinado para cidades com mais de 700 mil habitantes e tem como prioridade de ação os transportes de massa.

Cerca de R$ 32 bilhões serão destinados para essa área do Programa de Aceleração do Crescimento para todo o país.

Nos últimos 10 anos, a frota de veículos dobrou, passando de 35 para 70 milhões em todo país e o que o PAC mobilidade urbana pretende é assegurar que cidades como Teresina não tenham seu crescimento urbano e econômico prejudicado.

“O número de veículos novos em Teresina cresce de maneira vertiginosa.

Por isso, temos que executar hoje obras de natureza estruturante cujos benefícios se estendem a longo prazo.

Isso é pensar grande”, frisa Elmano.

O PAC Mobilidade Urbana também vai influenciar a economia com a construção, gerando emprego, renda, movimenta a economia e o setor da construção civil.

A projeção é que cerca de 53 milhões de pessoas sejam atingidas diretamente.

O prefeito Elmano Férrer disse que a presidente Dilma Rousseff pediu que se discuta qual o novo paradigma para as cidades nas questões ambientais.

Segundo Elmano, ela agradeceu a parceria dos estados e municípios neste grande programa, pois dois terços são recursos de empréstimos para os entes federativos.

Apenas um terço dos recursos serão do Orçamento Geral da União.

O secretário municipal de Planejamento e Administração Geral, João Alberto Monteiro, que acompanha o prefeito Elmano Férrer em Brasília, explicou que os projetos de Teresina no PAC 2 estão divididos em quatro vertentes.

“Estão previstas a construção da ponte sobre o rio Poti, na altura da Avenida Gil Martins, a implantação de vias exclusivas para os transportes de massa, a construção de bicicletários e as desapropriações dos imóveis das áreas compreendidas pelos projetos”, disse.

Ivana Souza – Agência Trabalhista de Notícias, com informações da prefeitura de Teresina